Martinelli retoma confiança e surge novamente como opção no sistema defensivo do Fluminense

Cano marcou o segundo gol do Fluminense e deu uma assistência (Foto: Washington Alves/Lancepress)


A capacidade de Diniz para recuperar jogadores é mais que conhecida. Na vitória do Fluminense sobre o Cruzeiro, pela Copa do Brasil, a bola da vez foi Martinelli. O Moleque de Xerém faz a terceira temporada como profissional e vinha oscilando, mas na decisão fez boa atuação, com direito a assistência. Assim, o volante vai se firmando novamente como peça fundamental do elenco.

Martinelli não iniciou a partida entre os 11 titulares no Mineirão. Contudo, Diniz acionou o garoto no início do segundo tempo, como alternativa para Nonato. Além de melhorar o aproveitamento do Flu nos duelos, o volante também contribuiu em um lance de bola áerea, acertou um cruzamento e deu a assistência para o gol de Cano, o segundo da partida. Os dados são do site "SofaScore".

Todavia, o desempenho contra a Raposa não é um resumo do que tem sido a temporada do Moleque de Xerém. Depois de ir bem no Carioca, Martinelli oscilou e deixou a desejar na dinâmica do meio-campo. Assim, perdeu a vaga para Yago e, depois, Nonato. Na segunda metade de 2021, o jogador também não conseguiu estabelecer um padrão e viveu período similar.

Desde a chegada de Diniz, Martinelli esteve em campo seis vezes, sendo apenas uma delas como titular. Contra o Avaí, pelo Brasileirão, não foi bem. Porém, o que se percebe desde então é uma clara evolução do jogador, tanto na técnica como na visão de jogo. Na partida de ida contra o Cruzeiro, o volante ajudou a retomar o sistema defensivo e ainda ajudou mais à frente.

O jogo contra o Corinthians também foi importante para a retomada de confiança. Presente também pelo lado esquerdo, Martinelli foi importante para a transição ofensiva e deu a assistência para o último gol da carreira de Fred. Apesar dos poucos minutos em campo, foi decisivo para o momento mágico no Maracanã.

Veja a classificação da Série A do Brasileirão

O jovem, que chamou a atenção pela qualidade técnica na última temporada, vem dando sinais de que voltará a render como antes. Ainda que seja cedo para determinar, e que o elenco do Fluminense tenha boas opções na posição, a retomada de Martinelli é importante nesta altura da temporada. E também reforça o que Diniz pode fazer com jogadores considerados "perdidos", muitas vezes pelo julgamento precoce de atletas que ainda estão em formação.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos