Luis Suárez assina contrato com o Nacional do Uruguai

O astro uruguaio Luis Suárez assinou um contrato de cinco meses com o Nacional de Montevidéu, clube pelo qual estreou como profissional em 2005 aos 18 anos.

"Já está solucionado" o contrato, anunciou nesta quarta-feira o presidente do clube, José Fuentes, que acrescentou que Suárez chegará no fim de semana a Montevidéu e na terça-feira estará pronto para enfrentar o Atlético Goianiense pelas quartas de final da Copa Sul-Americana.

Além da competição continental, o atacante chega para disputar pelo Nacional o Campeonato Uruguaio e a Copa do Uruguai, em uma espécie de preparação para a Copa do Mundo de 2022, que começa em novembro.

Suárez, de 35 anos, estava sem clube desde meados de maio, após o fim de seu contrato com o Atlético de Madrid, e tinha a intenção de continuar na Europa em uma equipe onde pudesse ser titular pensando no Mundial do Catar.

O uruguaio recebeu várias propostas, com clubes da Turquia e da Itália entre os principais interessados, mas nenhuma delas satisfez os interesses esportivos e pessoais do jogador.

Outras, como a do Borussia Dortmund, que segundo a imprensa alemã via em Suárez um substituto para Sébastien Haller, diagnosticado com câncer no testículo, terminaram e rumores.

O uruguaio também recebeu ofertas da Major League Soccer (MSL) dos Estados Unidos, mas estas perderam força enquanto nas redes sociais crescia uma campanha impulsionada por torcedores do Nacional das redes sociais pedindo seu retorno.

- #SuarezANacional -

Suárez esteve no radar do River Plate, clube com o qual tinha chegado a um princípio de acordo segundo o próprio atacante, mas a eliminação da equipe nas oitavas de final da Copa Libertadores frustraram sua ida à Argentina.

Depois disso, o Nacional, clube do coração de Suárez, surgiu como uma possibilidade e com o passar dos dias foi se tornando uma realidade.

Com a hashtag #SuarezANacional, que em questão de horas se tornou um dos assuntos mais comentado nas redes, os torcedores do Nacional começaram uma campanha diária na qual pediam a volta do atacante e tentavam sensibilizá-lo com milhares de mensagens.

Foi assim que o presidente do clube, José Fuentes, viajou na semana passada à Espanha para se encontrar com Suárez.

Depois de várias horas de reunião, o dirigente retornou com o "sim" da família do jogador para morar no Uruguai, o que alimentou as esperanças de um retorno.

Na última quinta-feira, no jogo entre Nacional e Cerrito no Gran Parque Central, cerca de 15 mil torcedores usaram máscaras com o rosto de Suárez e aos 9 minutos de jogo, número da camisa do artilheiro, cantaram em oníssono seu nome.

Essas tantas mostras de carinho dos torcedores do Nacional acabaram convencendo Suárez, que é aguardado em Montevidéu no fim de semana para ser apresentado aos torcedores e ficar às ordens do treinador Pablo Repetto.

"Agora vamos começar a trabalhar para sua chegada. Vamos comemorar sua vinda como ele merece", disse o presidente do Nacional.

Suárez conquistou pelo Nacional o Campeonato Uruguaio em 2005 e 2006. Em um ano e meio no clube, marcou 12 gols em 35 jogos

cl/cb

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos