Luís Castro lamenta empate e diz que falta de opções desestabilizou o Botafogo: 'Semana difícil'

Luís Castro lamenta resultado e fala das dificuldades que teve durante a semana (Foto: Vítor Silva/Botafogo)


Após o empate do Botafogo com o Ceará por 1 a 1 pelo Brasileirão, o treinador do Glorioso, Luís Castro, falou sobre os pontos que levaram ao resultado. Para ele, o primeiro tempo de ambas as equipes foi bom, mas na etapa final seu time se desorganizou por ter jogado mais com o lado emocional.

O Botafogo teve um surto de virose na última semana, o que fez com que a comissão técnica tivesse muitas dúvidas e limitasse mais a quantidade de opções para a equipe titular. Para Luís Castro, estes problemas interferiram de certa maneira no resultado.

+ Veja e simule a tabela do Brasileirão

- O primeiro tempo foi bem jogado pelos dois e no segundo foi menos racional. Nos desorganizaram e o jogo caiu para a mão do Ceará por que jogamos mas com o coração no 2° tempo. Uma coisa é ter os jogadores à disposição. Fomos afetados ao longo da semana Quisemos levar o jogo para o ataque e não conseguimos e abrimos espaços.

O Botafogo retorna a campo pelo Brasileirão contra o Atlético-GO em casa, no próximo sábado.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos