Liga espanhola denuncia PSG na Uefa alegando infração do Fair Play Financeiro

A LaLiga, responsável pela organização do Campeonato Espanhol, apresentou na Uefa nesta quarta-feira uma denúncia contra o Paris Saint-Germain alegando que o clube francês está infringindo o Fair Play Financeiro em vigor no futebol europeu.

A organização já tinha apresentado uma denúncia contra o Manchester City em abril e agora faz o mesmo contra contra o PSG "por entender que estes clubes não estão cumprindo de forma contínua as atuais normas de Fair Play Financeiro".

"Já denunciamos o Manchester City e nesta semana faremos com o PSG", antecipou na segunda-feira o presidente da LaLiga, Javier Tebas.

No ato da denúncia Tebas se referiu a operações como a renovação de Kylian Mbappé com o clube francês.

Segundo o novo contrato de Mbappé, o PSG pagará ao jogador um salário entre 40 e 50 milhões de euros anuais nas três temporadas do novo vínculo.

"Consentir com este tipo de operação fora de mercado é uma barbaridade", afirmou Tebas, que explicou que as denúncias foram feitas para "defender não só o Real Madrid e o futebol espanhol, mas também o futebol europeu".

"Estas práticas alteram o ecossistema e a sustentabilidade do futebol, prejudicam todos os clubes e ligas europeias, e só servem para inflacionar o mercado de forma artificial, com dinheiro não gerado no próprio futebol", afirmou a LaLiga em comunicado.

Além das denúncias, a organização espanhola também contratou advogados na França e na Suíça para abrir "ações administrativas e judiciais nos órgãos franceses competentes e na União Europeia".

"Na Suíça, a LaLiga está estudando diferentes opções de representação por eventuais conflitos de interesse de Nasser Al-Khelaïfi derivados de suas diferentes funções" como presidente do PSG, membro do Comitê Executivo da Uefa, presidente da Associação de Clubes Europeus (ECA) e presidente do canal de TV por assinatura BeIN Sports.

gr/iga/cb

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos