Lateral da Seleção Brasileira sobrevive a troca de tiros durante tentativa de assalto

Emerson Royal é considerado peça fundamental do Tottenham (Foto: Divulgação / Tottenham)


O lateral-direito Emerson Royal, de 23 anos, foi vítima de uma tentativa de assalto na manhã desta sexta-feira, ao deixar um evento em Americana, sua cidade natal, no interior de São Paulo. O caso terminou com troca de tiros entre o assaltante e um segurança que estava no local. O atleta do Tottenham não teve ferimentos e passa bem.

+ BBC faz votação sobre maiores times da história e inclui um brasileiro; resultado é curioso

O jogador, que está de férias no Brasil, participava de uma confraternização com familiares e amigos. Ao deixar o local em que se encontrava, foi abordado por um segurança que, além de pedir uma foto com Emerson, se ofereceu para acompanhá-lo até o carro. Neste momento, um homem abordou o jogador e anunciou o assalto.

Ao perceber que assaltante apontava uma arma para o Royal, o segurança reagiu e houve uma troca de tiros. Foi quando o atleta do Tottenham e da Seleção Brasileira esquivou-se para não ser atingido pelos disparos.

+ Neymar e Son trocam camisas após goleada da Seleção sobre a Coreia do Sul

Empresário do jogador, Emerson Zulu está neste momento com as autoridades policiais de Americana, acompanhando o desenrolar do caso.

- Ele mora na Inglaterra, onde é mais tranquilo, vem passar férias em sua cidade que é Americana, em São Paulo, para ser assaltado e correr risco de vida. Isso não pode continuar assim. Já estou em contato com o Lincoln Nunes, nosso preparador mental para que isso não afete a sua concentração - esclareceu.

( Matéria em atualização)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos