Karoline Lima chora e faz desabafo após ser processada por Éder Militão


A influenciadora Karoline Lima recebeu com surpresa a notícia que o ex-namorado Éder Militão a processou. O zagueiro pediu indenização de R$ 45 mil por danos morais causados pela modelo ao atleta. Ela apareceu chorando nas redes sociais e publicou uma mensagem.

+ Éder Militão entra na Justiça contra ex-namorada, Google e Facebook e pede indenização

- Vocês estão me pedindo pra falar. Desculpa, não consigo. Não sou forte a esse ponto. Minha advogada vai falar por mim, tudo vai estar na minha defesa. Quanto a mim, bom, vocês sabem bem quem eu sou. Amo vocês - escreveu Karoline Lima aos seguidores no Instagram.

+ Filhas de Vampeta pedem à Justiça a prisão do pai por falta de pagamento de pensão

Militão alegou que Karoline incita seguidores a persegui-lo após o término dos dois há dois meses. O zagueiro do Real Madrid também entrou com pedido para que a influenciadora não o mencione nas redes sociais. Juntos, os dois tiveram a pequena Cecília, há algumas semanas.

+ Pedro é convocado para Seleção Brasileira e web comemora presença do atacante

A separação dos dois se deu logo após o jogador passar férias nos Estados Unidos e Brasil, enquanto Karoline estava na reta final de gravidez, em Madrid. Nas redes sociais, a influenciadora criticou o atleta, que, segundo ela, estava "curtindo as melhores baladas de Miami".

Karoline Lima
Karoline Lima

Karoline Lima chorou após ser processada por Militão (Reprodução)