Jorginho relembra Mercosul e exalta entrega do Vasco: 'Jamais desistir'

Jorginho teve escolhas equivocadas, e o Vasco não fez um bom jogo contra o Sampaio (Daniel RAMALHO/VASCO)


Eufórico após a vitória do Vasco, sobre o Operário, por 3 a 2, no Germano Kruger, o técnico Jorginho destacou a entrega do time para conseguir a virada e lembrou a conquista épica da Copa Mercosul de 2000, quando o Cruz-Maltino venceu o Palmeiras por 4 a 3 após estar perdendo por 3 a 0

- Todos sabem que o Vasco é o time da virada, só que já fazia mais de um ano que o Vasco não tinha uma vitória como essa. Lembrei daquele jogo contra o Palmeiras na Mercosul, que foi uma vitória fantástica lá em 2000. Realmente, eu fico muito feliz porque esse grupo merece, esse é o comportamento do Vasco, jamais desistir e se entregar de corpo e alma.

A vitória foi conquistada aos 49 minutos do segundo tempo, quando Alex Teixeira marcou o segundo dele no jogo e fechou o placar. O empate tinha acontecido 6 minutos antes. Apesar do resultado emocionante, Jorginho foi sincero ao afirmar que o time não conseguiu jogar no primeiro tempo.

- Nós tivemos um primeiro tempo muito ruim, equipe muito espaçada. A gente não estava bem posicionada, principalmente no forte deles que são os contra-ataques. Erramos no gol deles, a gente sabe que não fez um bom primeiro tempo, pouca mobilidade. As mudanças foram fundamentais. Coloquei o Tubarão e o Alex que tiveram a felicidade de fazer os gols. É um grupo que realmente tem dado tudo, mesmo com a derrota no primeiro tempo, foi nítido que depois conseguimos ter uma superioridade em cima do Operário. Sofremos um gol que não poderíamos tomar, mas os jogadores não se importaram com isso, continuaram confiantes e com força. Parabéns aos jogadores pela entrega.

+ Confira a classificação da Série B

Jorginho ressaltou que a vitória do jeito que foi conquistada fará o torcedor voltar a acreditar no time e pediu muito apoio na partida do próximo sábado, contra o Novorizontino, em São Januário.

- Essa vitória de hoje foi fundamental para o torcedor acreditar que a gente vai conseguir o nosso objetivo. A Série B é muito difícil, é um jogo muito físico, muito pegado, que você não pode ter muito descuido. Eu falo com todo o coração para o torcedor vascaíno, a gente precisa demais de vocês. Nem todo jogador é o Romário, nem todo jogador não está ligando para o que está ouvindo do lado de fora. Mas eu preciso que vocês entendam o quanto vocês são importantes para o Vasco da Gama, então, apoiem porque a gente vai conquistar esse objetivo se estivermos verdadeiramente juntos.

Com 52 pontos, o Vasco garantiu a manutenção da 4ª posição, aumentando a distância para o 5º colocado, o Sport, para três pontos. No entanto, o Ituano, que tem 47 pontos, enfrenta o Cruzeiro, nesta quarta-feira, no Mineirão, podendo diminuir a diferença para dois pontos.