Jorge Jesus pede, e Fenerbahçe sinaliza com R$ 17 milhões para tirar Welington do São Paulo

Welington durante treino do elenco são-paulino, no CT da Barra Funda (Foto: Divulgação/São Paulo FC)


O São Paulo pode ter que incluir a busca por um lateral-esquerdo para a reserva de Reinaldo na janela de transferências. Isso porque após pedido do técnico Jorge Jesus, o Fenerbahçe, da Turquia, sinalizou que pode fazer uma proposta de até 3 milhões de euros (cerca de R$ 17 milhões) para contar com Welington, cria de Cotia e a segunda opção para o setor.


GALERIA
+ O vai-vem do São Paulo para a abertura da janela de transferências


A informação foi divulgada pelo portal 'ESPN' e confirmada ao LANCE! por pessoas próximas à cúpula tricolor. Houve uma sondagem dos turcos para saber o interesse do clube brasileiro em avançar na negociação. Em crise financeira, o sinal verde foi dado.

Com 21 anos, Welington é reserva imediato da lateral esquerda. Na atual temporada tem 23 partidas jogadas, com um gol marcado e uma assistência dada. Fora ele e Reinaldo, não há outra opção para o setor no plantel profissional.

O jovem tem contrato até o final de 2024 e soma no currículo passagens pelas Seleções Brasileiras de base, o que teria sido o fator fundamental para o comandante português, ex-Flamengo, ter aprovado o seu nome.

Welington integraria um pacotão de reforços do Fenerbahçe no Brasil que incluiria Igor Paixão, do Coritiba, e Erison, do Botafogo.

À mesma "ESPN", o diretor de futebol do São Paulo, Carlos Belmonte, já previa que o clube venderia algumas revelações da base na janela de transferências europeias se aparecessem propostas.

- O desejo do São Paulo é que alguns atletas, principalmente os atletas que consideramos mais valorizados, no caso o Gabriel Sara, o Rodrigo Nestor, o Wellington, que nós acreditamos que são todos jogadores de dois dígitos, ou seja, no mínimo, para iniciar uma conversa, 10 milhões de dólares. Mas é claro que, como eu dizia, chega uma proposta de 8 milhões, depois uma bonificação, você fica com um percentual do atleta, tudo isso pode ser discutido. Mas o nosso desejo é vender apenas um atleta, é o desejo, isso não quer dizer que venderemos apenas um. Podemos não vender nenhum, podemos vender dois. Nosso desejo é vender apenas um atleta, contando ainda com a negociação do Antony na Europa, que aí nós conseguiríamos atingir o nível do orçamento e manter, ainda, o time competitivo - disse o dirigente.

Conforme o L! revelou, o planejamento da gestão Julio Casares para manter as contas do Tricolor em ordem passa pela receita prevista de R$ 142 milhões em vendas de jogadores nesta temporada.

Em maio, após uma janela de transferências sem vendas de impacto, a diretoria tricolor quebrava a cabeça com as contas, já que até aquele momento havia arrecadado apenas R$ 44 milhões com transferências. A esperança era a transferência de algumas das promessas de Cotia no plantel principal por pelo menos 10 milhões de euros. Nesse intervalo, contudo, David Neres trocou o Shakhtar Donetsk pelo Benfica, o que ajudou no lucro de R$ 5 milhões em menos de seis meses pelo mecanismo de solidariedade.

A expectativa nos bastidores é idêntica à vivida pelo clube dentro de campo. O São Paulo entra em campo às 21h30 (de Brasília) desta quinta-feira (7) para o duelo de volta das oitavas de final da Copa Sul-Americana ante a Universidad Católica, no Morumbi. E, com o pensamento de não priorizar nenhuma competição em específico, mas sim jogo a jogo, frente ao momento complicado do elenco, com nove jogadores afastados por contusão (sendo que pelo menos quatro deles - Gabriel Sara, Arboleda, Luan e Caio - passaram por cirurgia e não tem retorno garantido nesta temporada), o Tricolor segue o planejamento do começo do ano de avançar o máximo possível nas competições continentais visando as receitas que isso proporciona.

No caso do torneio continental, por exemplo, o clube já garantiu R$ 7 milhões com a classificação às oitavas. Caso chegue à final, garantirá quase R$ 33 mi aos cofres.

A expectativa do São Paulo é reduzir sua dívida nesta temporada em pelo menos R$ 108 milhões. E, por isso, o clube descarta fazer loucuras na janela de transferências. Reforços virão nos mesmos moldes da negociação pelo atacante Marcos Guilherme, anunciado no mês passado: nomes que aceitem contratos de riscos, com metas de produtividade e que cuja vinda não gerem gastos.

TABELA
> Confira classificação, jogos e simule resultados do Brasileirão-22
> Confira todos os jogos da Sul-Americana-22
> Conheça o novo aplicativo de resultados do LANCE!

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos