Jobson será julgado por estupro e pornografia infantil

Advogado de Jobson acredita que atacante será absolvido.
Advogado de Jobson acredita que atacante será absolvido. Foto: (Alan Pedro/Getty Images)

Recém contratado pelo Contagem, clube que disputa a Segunda Divisão do Campeonato Mineiro, o atacante Jobson, ex-jogador de Botafogo e Atlético-MG, teve confirmada a data de seu julgamento pelos crimes de estupro de vulneráveis e divulgação de pornografia envolvendo menores de idade.

Realizados há seis anos, os crimes serão julgados pela comarca de Colinas do Tocantins após a Justiça do Estado do Pará declarar que não tinha competência para tratar do caso e enviar o processo para o poder judiciário do estado do Tocantins. O jogador, que responde em liberdade, chegou a ser solto pelos crimes acima citados, mas preso outras duas vezes por tráfico de drogas.

Leia também:

Jobson e outros dois amigos são suspeitos de cometerem o estupro de duas adolescentes, de 13 e 14 anos, em uma chácara localizada na zona rural de Couto Magalhães, cidade que fica entre os estados do Pará e do Tocantins. O julgamento, que havia sido marcado para o ano de 2020, foi suspenso por causa da pandemia de Covid-19 e remarcado para o dia 27 de outubro deste ano.

Em maio deste ano, Jobson foi levado a uma delegacia em Angra dos Reis, no Rio de Janeiro, após uma investigação apontar que ele tivesse envolvimento com tráfico de drogas na região. Ao revistar uma residência, a polícia encontrou 12 pinos recheados de um pó branco, que se suspeita ser cocaína, e 16 porções de maconha. Jobson passou a ser investigado após policiais encontrarem trocas de mensagens entre ele e um dos homens que estava no imóvel.

Suspensão da FIFA

Em 2015, Robson foi suspenso pela FIFA por três anos, até o dia 31 de março de 2018, por se recusar a fazer um exame antidoping quando atuava pelo Al-Ittihad. A pena, que, inicialmente, tinha validade apenas no país do Oriente Médio, passou a ter abrangência mundial com a suspensão realizada pela entidade máxima do futebol mundial.

Nesta temporada, Jobson também se envolveu em polêmicas. Com acordo firmado para disputar o Campeonato Paraense pelo Itupiranga, o atacante mudou de ideia e acertou com o Sete de Setembro para competir no estadual de Pernambuco. Após 10 dias, deixou a equipe e gravou um vídeo dizendo que jogaria em Rondônia pelo União Cacoalense, mas foi anunciado pelo Sport Lagoa Seca, de Pernambuco, sete dias depois.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos