Jhojan Julio completa dois meses sem entrar em campo pelo Santos

Jhojan Julio atuou pela última vez diante do Deportivo Táchira, em meio (Foto: Ivan Storti / Santos)


O meia-atacante Jhojan Julio não entra em campo com a camisa do Santos há extatos dois meses. A última vez em que o equatoriano entrou em campo foi no empate em 1 a 1 contra o Deportivo Táchira, dia 30 de maio, no jogo de ida das oitavas-de-final da Copa Sul-Americana, na Venezuela.

Na oportunidade, Jhojan começou entre os titulares e foi substituído na segunda etapa. O técnico ainda era Fabián Bustos. Após isso, porém, ele não jogou mais, nem com o ex-interino Marcelo Fernandes e nem com o técnico atual, Lisca. São 11 jogos fora.

O jogador foi anunciado no final de março, estreou contra o Fluminense no Maracanã e recebeu elogios. Em seguida, marcou um dos gols da vitória santista contra a Universidad Católica, na Vila Belmiro. A lua de mel, porém, terminou aí.

O camisa 8 não conseguiu repetir o bom desempenho e começou a enfrentar críticas por parte dos torcedores. Em maio, Julio chegou a desativar suas redes sociais por conta dos ataques virtuais. Seu vínculo de empréstimo com o Peixe vai até maio de 2023, com opção de compra após o término. Ele soma 18 jogos, um gol e duas assistências. A gestão liderada por Andres Rueda não tem interesse na compra em definitivo.

Natural de Quito, no Equador, Jhojan tem 24 anos e foi revelado nas categorias de base da LDU, onde teve sua primeira oportunidade como profissional em 2016. Ele atuou durante toda a carreira na equipe de Quito e tornou-se uma das principais referências técnicas do clube nos últimos anos.

Com a camisa da LDU, Jhojan foi campeão do Campeonato Equatoriano, em 2018, e da Supertaça do Equador, em 2021. Nos últimos anos, inclusive, o equatoriano se destacou por boas atuações contra equipes brasileiras, balançando as redes contra Flamengo, Athletico-PR, São Paulo e o próprio Santos.