Jackie Stewart pede que Hamilton se aposente da Fórmula 1

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Jackie Stewart aconselhou Lewis Hamilton a pensar na aposentadoria. Foto: Asanka Brendon Ratnayake/Anadolu Agency/Getty Images
Jackie Stewart aconselhou Lewis Hamilton a pensar na aposentadoria. Foto: Asanka Brendon Ratnayake/Anadolu Agency/Getty Images

O tricampeão mundial de Fórmula 1, Jackie Stewart, pediu a Lewis Hamilton que se aposente da categoria, já que o heptacampeão continua lutando nesta temporada atrás da nova geração de pilotos.

Atualmente, o piloto britânico de 37 anos, é sexto na classificação dos pilotos em nove corridas, o que seria o pior resultado de sua carreira de 16 temporadas na F1.

Leia também:

O piloto da Mercedes não venceu nenhuma de suas últimas 10 corridas, igualando a maior “seca” de sua carreira, e está 98 pontos atrás do rival Max Verstappen que lidera o mundial de pilotos. Para Stewart, chegou a hora de Hamilton perseguir seus vários outros interesses.

“É hora de ele se demitir”, disse Stewart, 83. “Ele tem música, ele tem cultura, ele adora roupas e o comércio de roupas seria absolutamente adequado para ele. Tenho certeza de que ele terá muito sucesso porque está ganhando muito dinheiro, com razão, porque ele tem sido o melhor de seu tempo”, analisou.

Toto Wolff, chefe de Hamilton na Mercedes, admitiu no inverno passado que o britânico ficou 'desiludido' com o esporte depois de ter negado um oitavo título recorde de forma controversa na última volta do ano.

Houve rumores substanciais de que ele estava prestes a se aposentar quando foi derrotado por Verstappen. Mas Hamilton, que ganha 40 milhões de libras (mais de 250 milhões de reais pela cotação anual) por ano, voltou a fazer parceria com o novo companheiro de equipe George Russell nesta temporada.

Ele registrou apenas dois pódios nas nove corridas em 2022, deixando Verstappen e Charles Leclerc, de 24 anos, da Ferrari, para liderar a nova era do esporte.

“Lewis está naquele grupo de Ayrton Sennas e Alain Prosts, ou até mesmo Jackie Stewarts talvez”, disse Stewart ao podcast Convex Conversation. “É uma pena que ele não tenha renunciado no topo, mas não acho que isso vá acontecer agora”, finalizou.

 

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos