Jabeur frustra algoz de Serena e encara Garcia na semi no US Open

USTA


A tunisiana Ons Jabeur, quinta da WTA, é a primeira tenista garantida na semifinal do US Open após frustrar a australiana Ajla Tomjlanovic, 46ª e algoz de Serena Williams. Jabeur buscará sua segunda final de Grand Slam consecutiva.

Vice-campeã de Wimbledon neste ano, Jabeur segue firme no último Grand Slam da temporada e precisou de 1h43 para fechar o placar diante de Tomjlanovic em 6/4 7/6 (7-4) tendo convertido quatro aces contra um da australiana, que cometeu nove duplas-faltas contra quatro da tunisiana, que disparou 29 bolas vencedoras contra 12 de Tomjlanovic, que cometeu 24 erros não-forçaos contra 30 de Jabeur.

A partida começou com a tunisiana trabalhando firme com bolas cruzadas na devolução de saque e buscando angular a bola mais próxima à rede. Assim, abriu 3/1 com quebra no 3º game, mas não sustentou o saque e cometendo erros, viu Tomjlanovic abrir 0-40 e tomar a quebra em bela paralela no 6º game igualando o placar. Jabeur não desistiu, pressionou e voltou a quebrar o saque da australiana na sequência e administrou.

No set seguinte, Jabeur seguiu sólida, abriu quebrando o saque da australiana, mas acabou cometendo erros bobos e pressionada trocou quebras com a adversária entre o 4º e 6º games. Tomjlanovic abriu 5/3 ao conquistar uma brigada quebra no 8º game, mas não sustentou bem seu primeiro serviço, tomou a devolução da quebra e viu a parcial ir para o tiebreak. Ali, com uma mini-quebra de vantagem, Jabeur se garantiu na semifinal.

Na semifinal, Jabeur encara a embalada a francesa Caroline Garcia,17ª, que embalada pelo título em Cincinnati, chegou firme em Nova York e superou a americana Coco Gauff, 12ª, em 6/3 6/4.

Jabeur e Garcia já se enfrentaram duas vezes no circuito profissional, ambos encontros vencidos pela tunisiana. O primeiro duelo entre elas foi no US Open de 2019, pela primeira rodada do torneio. Jabeur venceu aquele encontro em dois sets e nunca perdeu um set da francesa.