Início de Dorival Júnior supera o começo de Jorge Jesus no Flamengo

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Em pouco tempo, Dorival Júnior já conquistou a confiança de todos no Flamengo (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


Classificado para as quartas de final da Libertadores e da Copa do Brasil, o Flamengo dá toda pinta de que também vai brigar no Campeonato Brasileiro. A vitória sobre o Coritiba, por 2 a 0, com um time alternativo, reforçou a qualidade do elenco, que foi questionada nos últimos meses.

A retomada da boa fase tem nome e sobrenome. Trata-se Dorival Júnior, que fez o time retomar a confiança e voltar a ser temido. As atuações convincentes, principalmente a goleada sobre o Tolima por 7 a 1, e a vitória inconstestável sobre o Atlético-MG, por 2 a 1, fizeram os torcedores mais eufóricos, lembrarem do Flamengo de 2019, que atropelava os rivais.

Ainda é cedo para qualquer tipo de comparação, porém o início é animador. Em 11 jogos sob o comando de Dorival Júnior, o Flamengo conquistou sete vitórias e foi derrotado quatro vezes, retroscpecto superior ao começo de Jorge Jesus, técnico do lendário time de três anos atrás, que venceu seis, empatou três e perdeu duas.

Vale destacar que neste recorte, o Flamengo de Jorge Jesus foi eliminado da Copa do Brasil, nos pênaltis, para o Athletico-PR, e avançou na Libertadores, sobre o Emelec também em penalidades, ambos os confrontos válidos pelas oitavas de final.

Resta aguardar se Dorival Júnior terá o mesmo sucesso que Jorge Jesus e conduzirá o Flamengo aos títulos. O início promissor somado aos reforços de Vidal e Everton Cebolinha dão o torcedor o direito de sonhar que sim.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos