Hulk parabeniza Abel Ferreira por trabalho tático e garante foco do Atlético-MG no Brasileirão

Palmeiras e Atlético se enfrentam pelas quartas da Libertadores (Foto: Foto: Pedro Souza / Atlético-MG)


Eliminado da Copa Libertadores, agora, o Atlético-MG brigará somente pelo Campeonato Brasileiro até o fim da temporada. Entretanto, atualmente, o Galo ocupa a sétima colocação na tabela de classificação, e, por isso, vê a conquista do bicampeonato nacional consecutivo cada vez mais distante.

No entanto, em entrevista à zona mista após a derrota no Allianz Parque, Hulk, atacante da equipe mineira, garantiu foco total no Brasileirão. Segundo ele, enquanto houver chances matemáticas de título, o elenco buscará a taça.

- O que nos resta agora é encarar os 17 jogos do Brasileiro como 17 finais. Enquanto houver chance matemática, tudo é possível - declarou.

Em outro momento, o principal jogador do Atlético-MG elogiou o trabalho tático de Abel Ferreira. O técnico português e seus comandados chegaram a ter dois jogadores a menos, mas sustentaram o empate até a decisão por pênaltis. Hulk aproveitou o espaço para se desculpar com a torcida após a desclassificação.

- A gente tentou, lutou, é futebol. Quem entende de futebol, sabe que lutamos para caramba. É tirar o chapéu para o Abel pela parte defensiva. Só nos resta trabalhar. Fica a nossa lamentação, pedimos desculpas ao torcedor - finalizou.

Focado apenas no Brasileirão, o próximo compromisso alvinegro é diante do Coritiba, no domingo, às 11h, no Couto Pereira. A partida será válida pela 22ª rodada do torneio.