Há dez anos, Rádio Grenal conquista público gaúcho com 24 horas de futebol e rivalidade no ar

Equipe da Rádio Grenal durante transmissão de programa, nos estúdios da emissora (Foto: Divulgação)


Entrava no ar em 28 de maio de 2012 a até hoje única experiência até hoje no Brasil de uma emissora de rádio dedicada 24 horas ao futebol regional: a Grenal.


GALERIA
+ Veja clubes brasileiros que podem faturar com mecanismo de solidariedade da Fifa nesta janela

Houveram sim experiências diversas no país com emissoras que se dedicavam sim integralmente à cobertura esportiva, mas com viés nacional.

A Rádio K, por exemplo, guiada pelo hoje senador Jorge Kajuru (Podemos-GO), foi uma dessas experiências nos anos 1990. Entretanto, mesmo sediada em Goiânia (GO), a programa tinha conteúdo quase integralmente dedicado aos times do Rio-São Paulo.

Na Grenal a coisa é diferente. Por 24 horas, o assunto quase que exclusivo é discutir o cotidiano da dupla Grêmio e Internacional. Com um alcance ímpar. Apostando na forte rivalidade porto-alegrense, a emissora se destaca como uma das principais fontes de informação dos torcedores.

- É um momento de muito orgulho e de realização por termos optado por esse nicho de mercado, que não era atendido. Hoje, contamos com grandes parceiros comerciais que levam suas marcas a milhares de ouvintes que nos prestigiam. E muitas novidades serão divulgadas, em breve, para agitar gremistas e colorados no mundo inteiro - apontou o presidente da Rede Pampa de Comunicação, mantedora da Rádio Grenal, Alexandre Gadret.

As transmissões no atual formato começaram ainda em 2011 sob o nome Rádio O Sul, substituindo a noticiosa Rádio Jornal O Sul. A Rádio Grenal apresenta notícias e jornadas esportivas e já é reconhecida por sua irreverência e descontração durante a programação.

- A Grenal, para mim, é vida e emoção! Sou grato por fazer parte desse time, acompanhando de perto o crescimento da rádio e podendo evoluir junto com ela - disse Haroldo de Souza, um dos mais famosos narradores do Rio Grande do Sul.

A diretora da Rádio Grenal, Marjana Vargas, explica alguma das razões pelas quais a emissora completa dez anos entre as mais ouvidas, vistas e seguidas no Brasil.

- Além deste elenco fora de série, nos valemos das potencialidades das plataformas das redes sociais e das inovações tecnológicas para impulsionar a divulgação, engajamento e fidelização dos ouvintes e internautas. E não temos dúvida: vamos conquistar o mundo - destacou Marjana.

E lidar com uma das mais acirradas rivalidades do país, com uma audiência grande, traz os seus causos. Com forte interatividade entre seus ouvintes, se tornou conhecido relatórios produzidos pelos próprios internautas sobre o tempo dedicado pelo órgão a cada um dos dois times.

E é assim, em meio a fatos que só um Gre-Nal pode proporcional, que a rádio que adotou o nome do maior clássico do Sul brasileiro continua sua caminhada, com audiência em constante ascensão e atendendo uma fome sem limites de tricolores e colorados pelo planeta bola.

TABELA
> Confira jogos, classificação e simule resultados do Brasileirão-22
> Confira jogos, classificação e simule resultados da Série B-22
> Conheça o novo aplicativo de resultados do LANCE!

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos