Guto Ferreira revela o que acha do apelido 'Gordiola'

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Guto Ferreira participou do Flow Sport Club (Foto: Reprodução)
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


Guto Ferreira, treinador que atualmente está sem clube após ser demitido do Bahia, participou nesta segunda-feira do Flow Sport Club e falou sobre o que acha do apelido de 'Gordiola', que foi dado a ele como uma forma de elogio ao seu trabalho.

Guto lembrou que o apelido foi dado por um jornalista e pegou quando ele teve uma passagem anterior pelo Bahia e que, em sua opinião, o ajudou a ter mais abertura no mercado.

- A coisa pegou quando fui para o Bahia 2016. Foi um apelido que me ajudou muito a quebrar um certo preconceito contra os gordinhos, que ainda existe. Mas ajudou a aceitação do Guto no mercado (do futebol). Ser mais leve. Eu tenho uma postura de campo mais carrancudo. As pessoas me viam e achava que eu era isso ai (bravo). O Gordiola quebrou tudo isso - afirmou.

A terceira passagem do treinador de 56 anos pelo Bahia, que começou em outubro do ano passado, se encerra com a marca de 47 partidas onde conseguiu 20 triunfos, 10 empates e 17 derrotas. O profissional segue no mercado buscando novas oportunidades.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos