Godoy Cruz pede mais dinheiro para liberar Martín Ojeda ao Botafogo e irrita John Textor

Martín Ojeda é jogador do Godoy Cruz (Foto: Divulgação/Godoy Cruz)


Se tudo vinha se desenrolando para um acerto entre Botafogo e Martín Ojeda, a situação parece que vai frear. O Godoy Cruz-ARG pediu mais dinheiro para vender o atacante depois do Alvinegro topar pagar o que a equipe argentina havia pedido anteriormente e John Textor, dono da SAF do Glorioso, se irritou com a postura.


+ Veja as chances de título, classificação à Libertadores e rebaixamento ao fim do 1º turno do Brasileirão

Os valores passavam perto dos 6 milhões de dólares (R$ 32,1 milhões, na cotação atual). As cifras são bem maiores do que o Botafogo esperava gastar com Ojeda, mas houve um entendimento que era um entendimento que podia gerar retorno a curto e médio prazo dentro e fora de campo.

+ John Textor cita que quer contratar Christian Benteke, do Crystal Palace, ao Botafogo

Esse foi o valor pedido pelo Godoy após o Glorioso ter feito uma proposta perto dos 5 milhões de dólares (R$ 26,8 milhões). O Tomba se manteve irredutível com a pedida e o Botafogo aceitou pagar. O Glorioso esperava, então, que haveria a liberação do jogador. Mas foi o contrário: os argentinos pediram mais dinheiro, indo em contramão de uma postura positiva.

John Textor se irritou e perdeu a paciência com os proprietários do Godoy. Jose Mansur e Alejandro Chapini são os responsáveis por tocar a parte administrativa do Godoy Cruz e estão dificultando ao máximo a negociação. O desejo do norte-americano, que acredita que não será possível conversar diante da postura dos argentinos, é que o Glorioso passe a deixar a negociação.

+ Botafogo fecha primeiro turno do Brasileirão dentro do objetivo

O Departamento de Futebol do Botafogo na parte brasileiro, porém, ainda acredita que pode reverter a situação. André Mazzuco toca as conversas por aqui e pretende uma ação emergencial para com o Godoy Cruz. Vale lembrar que o desejo dos empresários de Ojeda é que ele se transfira para o futebol brasileiro.

O Botafogo vê Martín Ojeda como o principal alvo da janela, mas não vai entrar no jogo do Godoy Cruz e fazer tudo que o Tomba pedir. John Textor está começando a perder a paciência e não está descartada a possibilidade do Alvinegro abandonar de vez as negociações.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos