Gasparri e Valentini são bicampeãs Mundiais de Beach em Terracina

Divulgação


Atletas Heroe´s, as italianas Giulia Gasparri e Ninny Valentini conquistaram, neste sábado, o bicampeonato mundial do campeonato mundial da Federação Internacional de Tênis realizado em Terracina, na Itália. A competição é a mais valiosa com 550 pontos para cada parceria campeã.

As duas superaram na final dupla da brasileira Rafaella Miiller e a venezuelana Patrícia Diaz por 2 sets a 0 com parciais de 7/5 6/4. A dupla repete o feito de 2021 e erguem juntas o segundo caneco Mundial. Giulia ergue seu quinto título mundial superando Federica Bacchetta que tinha quatro conquistas e se torna a maior campeã da história. Gasparri havia vencido em 2017 e 2018 ao lado da própria Bacchetta e em 2015 com a também italiana Flaminia Daina: "Estou muito orgulhosa e feliz pela Ninny, não tenho palavras para descrevê-la, ela é a melhor, forte, só tenho boas palavras para falar sobre ela. Estou muito orgulhosa pelo nosso trabalho, foi um torneio difícil para nós, agora só quero curtir e ir para a festa", disse Gasparri.


A dupla fez um torneio de superação com Valentini jogando a semana inteira com limitações pelas dores no ombro e tendo que sacar por baixo: "Não tenho palavras, estou muito feliz, é incrível, sempre acontece algo aqui quando venho a Terracina com problemas físicos. Estou muito feliz com essa conquista, muita emoção".


A temporada vem sendo perfeita da dupla que ergue o oitavo troféu e obtêm a 60ª vitória em 65 partidas.

A terceira posição ficou com as italianas Sofia Cimatti e Nicole Nobile com as brasileiras Marcela Vita e Vitória Marchezini em quarto lugar.

No masculino o título ficou com o italiano Michelle Cappelletti e o espanhol Antomi Ramos que derrotaram na final a dupla do italiano Mattia Spoto e o francês Nicolas Gianotti por 3/6 6/2 10/7. Este é o quarto título mundial de Cappelletti que ganhou também em 2016, 2017 e 2019. Ramos fatura o segundo título repetindo o feito de 2018. O brasileiro André Baran ficou em terceiro lugar ao lado do russo Nikita Burmakin. Os santistas Allan Oliveira e Thales Santos terminaram em quarto lugar.