Galo x Cury: Juiz mantém intimação à Multiplan para depósito de R$ 13 milhões

Processo é relacionado à compra de zagueiro Frickson Erazo - Fellipe Lucena


A Justiça de São Paulo negou recurso do Atlético-MG em ação movida pelo empresário André Cury em que a Multiplan, compradora dos direitos do shopping Diamond Mall, terá que depositar um valor de R$ 13.469.582,20 em juízo.

A cobrança de André Cury é referente à compra do zagueiro Frickson Erazo, que anteriormente era do Estoril, de Portugal. A negociação foi intermediada pela empresa Link Assessoria, de André Cury.

A Multiplan foi a compradora dos 49,9% restantes do shopping Diamond Mall, e por isso recebeu à intimação de pagamento ao empresário. A compra do ativo foi fechada em R$ 340 milhões, mas ainda carece de detalhes finais para a oficialização. O primeiro pagamento será no valor de R$ 136 milhões.

Ao todo, o empresário André Cury já entrou com 28 processos contra o Atlético-MG, totalizando um valor de R$ 64,3 milhões. Cury já chegou a obter pareceres favoráveis em vários dos processos.