França culpa Liverpool e fraude de ingressos por problemas na final

O governo francês culpou nesta segunda-feira a enorme fraude de ingressos e a forma como o Liverpool lida com seus torcedores pelos problemas com a torcida que abalaram a final da Liga dos Campeões contra o Real Madrid, em Paris, no fim de semana.

Mas, dando prosseguimento a um jogo de empurra, nesta segunda-feira o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, descreveu as cenas do lado de fora do estádio, com alguns torcedores, incluindo crianças, atacados com gás lacrimogêneo pela polícia francesa, como profundamente perturbadoras.

O ministro do Interior francês, Gérald Darmanin, disse que o Liverpool forneceu a seus torcedores ingressos em papel, e não eletrônicos, o que permitiu a possibilidade do que ele descreveu como uma "fraude maciça em escala industrial".

Mais de dois terços dos ingressos apresentados por cerca de 62.000 torcedores do Liverpool eram falsos, acrescentou o ministro.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos