Transferências definidas muito tempo antes da oficialização

Por Thiago Varella

Naby Keita e Vinicius Junior são duas jovens estrelas do futebol mundial. Com um futuro promissor, os dois jogadores foram comprados por Liverpool e Real Madrid, respectivamente, mas não vão se apresentar neste ano. Conheça outros casos parecidos de atletas comprados, mas que só estrearam pelo novos clubes na temporada seguinte.

Transferências definidas muito tempo antes da oficialização

Lucas – O meia Lucas foi vendido em agosto de 2012 do São Paulo para o Paris Saint-Germain por 43 milhões de euros. No entanto, o atleta só se apresentou ao clube francês em 31 de dezembro de 2012 para poder disputar o Brasileirão daquele ano até o fim pelo Tricolor. (Getty Images)

Transferências definidas muito tempo antes da oficialização

Naby Keita – O meia guineense Naby Keita foi um dos destaques do RB Leipzig, na campanha do vice-campeonato alemão na temporada passada. O jogador de 22 anos chamou a atenção de outros clubes europeus e acabou vendido ao Liverpool, da Inglaterra, por quase 52 milhões de euros. No entanto, o meia fica mais um ano em Leipzig e se se junta ao clube inglês na temporada 2018/2019. Isso acontece porque o valor pago pelo Liverpool serve para pagar a cláusula de rescisão que só entra em vigor no ano que vem. (Getty Images)

Transferências definidas muito tempo antes da oficialização

Ander Capa – Ainda nesta temporada, o Athletic de Bilbao, da Espanha, contratou o lateral direito Ander Capa, do Eibar, por 3 milhões de euros. No entanto, o jogador de 25 anos só vai para o Athletic em 1º de julho de 2018. Até lá, permanece no Eibar, onde está desde 2011. Os dois clubes ficam no País Basco. (Getty Images)

Transferências definidas muito tempo antes da oficialização

Neymar – Oficialmente, Neymar foi vendido do Santos para o Barcelona em 25 de maio de 2013. O craque deixou o Peixe e foi apresentado no Camp Nou já no dia 3 de junho. No entanto, o acerto entre o jogador e o Barça ocorreu em novembro de 2011, quando o atleta recebeu um adiantamento do clube espanhol, um mês antes da disputa do Mundial de Clubes, quando o Santos perdeu para o time catalão por 4 a 0. (Getty Images)

Transferências definidas muito tempo antes da oficialização

Gabriel Jesus – Uma das maiores estrelas palmeirenses dos últimos tempos, o atacante Gabriel Jesus foi vendido em agosto do ano passado para o Manchester City, da Inglaterra, por pouco mais de 32 milhões de euros. No entanto, os dois times fizeram um acordo para que o craque ficasse no Brasil até o fim de dezembro. Com isso, Jesus conquistou o Brasileirão pelo Palmeiras e foi o artilheiro do time no campeonato com 12 gols. (Getty Images)

Transferências definidas muito tempo antes da oficialização

Kaká – O meia Kaká não estava muito bem pelo Milan e aproveitou que o clube italiano não conseguiu se classificar para a Champions League para assinar com o Orlando City, dos Estados Unidos, em julho de 2014. No entanto, a temporada da MLS, a liga americana, só iria começar em março de 2015. Para não ficar parado, o jogador foi emprestado para o São Paulo, onde ficou até novembro de 2014. Em 8 de março, Kaká estreou pelo Orlando City contra o New York City. (Getty Images)

Transferências definidas muito tempo antes da oficialização

Wallace – O lateral-direito Wallace foi vendido do Fluminense para o Chelsea em 2012. No entanto, o jogador ficou nas Laranjeiras até junho de 2013 por causa da disputa da Libertadores. Até hoje, o atleta segue com seus direitos vinculados ao Chelsea, mas nunca atuou pelo time inglês, sendo emprestado para a Inter de Milão, o Vitesse, o Carpi e o Grêmio, seu atual clube. (Getty Images)

Transferências definidas muito tempo antes da oficialização

Vinicius Junior – O atacante Vinicius Junior, de 17 anos, é uma das grandes promessas do Flamengo nos últimos anos. O jogador tem tudo para se tornar um craque no futuro e, mesmo com a pouca idade, foi vendido para o Real Madrid, em maio, por impressionantes 45 milhões de euros, o maior valor já pago por um atleta de futebol com menos de 19 anos de idade. O clube espanhol vai ter os direitos federativos do jogador a partir de julho de 2018, quando Vinicius tiver 19 anos. No entanto, o atacante deve se transferir para Madri apenas no ano seguinte. Ele só irá para o Real antes se os dois clubes entrarem em um acordo. (Getty Images)