Atletas que estiveram entre a vida e a morte e se salvaram

Veja uma lista de esportistas que escaparam da morte e podem inspirar Michael Schumacher na luta pela vida

Felipe Massa: Atingido por uma mola que escapou do carro de Rubens Barrichello, Massa ficou inconsciente e se chocou com o muro no treino para o GP da Hungria de 2009, em julho. Após resgate de helicóptero, o brasileiro teve fraturas no crânio e pequena lesão cerebral. Assim como Schumacher, ele ficou em coma induzido. Felipe só voltou a pilotar no ano seguinte.

Felipe Massa: Atingido por uma mola que escapou do carro de Rubens Barrichello, Massa ficou inconsciente e se chocou com o muro no treino para o GP da Hungria de 2009, em julho. Após resgate de helicóptero, o brasileiro teve fraturas no crânio e pequena lesão cerebral. Assim como Schumacher, ele ficou em coma induzido. Felipe só voltou a pilotar no ano seguinte.

Washington: Em 2002, quando jogava pelo Fenerbahçe, Washington sentiu uma ardência no peito. Depois de fazer exames, os médicos descobriram uma artéria entupida que poderia causar infarto a qualquer momento. Ele implantou um stent na artéria para dilatá-la. Em 2003, mais dois stents foram colocados porque a artéria voltou a entupir. Apesar dos médicos praticamente terem decretado o fim da carreira de Washington, ele voltou a jogar e se destacou, principalmente pelo Fluminense. O jogador ganhou o apelido de "Coração Valente" por conta disso tudo.

Washington: Em 2002, quando jogava pelo Fenerbahçe, Washington sentiu uma ardência no peito. Depois de fazer exames, os médicos descobriram uma artéria entupida que poderia causar infarto a qualquer momento. Ele implantou um stent na artéria para dilatá-la. Em 2003, mais dois stents foram colocados porque a artéria voltou a entupir. Apesar dos médicos praticamente terem decretado o fim da carreira de Washington, ele voltou a jogar e se destacou, principalmente pelo Fluminense. O jogador ganhou o apelido de "Coração Valente" por conta disso tudo.

Diego Maradona: Em 2004, o jogador argentino sofreu um infarto do miocárdio e quase morreu. Isso aconteceu em função de overdose de cocaína, droga da qual era viciado desde 1983. Depois de três semanas no hospital, Maradona conseguiu seguir a carreira de dirigente do Boca Juniors.

Diego Maradona: Em 2004, o jogador argentino sofreu um infarto do miocárdio e quase morreu. Isso aconteceu em função de overdose de cocaína, droga da qual era viciado desde 1983. Depois de três semanas no hospital, Maradona conseguiu seguir a carreira de dirigente do Boca Juniors.

Dani Piedade: Integrante da seleção campeã mundial de Handebol na Sérvia em 2013, Dani Piedade teve um AVC em 2012, durante treino antes de um amistoso de sua equipe. Praticamente sem sequelas, a jogadora voltou à seleção em junho deste ano.

Dani Piedade: Integrante da seleção campeã mundial de Handebol na Sérvia em 2013, Dani Piedade teve um AVC em 2012, durante treino antes de um amistoso de sua equipe. Praticamente sem sequelas, a jogadora voltou à seleção em junho deste ano.

Robert Kubica: O polonês pode se dizer um sobrevivente das pistas. Desde a época da Fórmula 1, ele teve vários acidentes e muitas fraturas em diversas regiões do corpo. Mas o acidente mais grave da carreira de Kubica veio em 2011 no rally. Mesmo assim, ele continua pilotando até hoje.

Robert Kubica: O polonês pode se dizer um sobrevivente das pistas. Desde a época da Fórmula 1, ele teve vários acidentes e muitas fraturas em diversas regiões do corpo. Mas o acidente mais grave da carreira de Kubica veio em 2011 no rally. Mesmo assim, ele continua pilotando até hoje.

Nenê: Em janeiro de 2008, Nenê foi diagnosticado com um tumor nos testículos. Mas o jogador de basquete conseguiu retirar o tumor e voltou a jogar basquete na NBA após dois meses de recuperação.

Nenê: Em janeiro de 2008, Nenê foi diagnosticado com um tumor nos testículos. Mas o jogador de basquete conseguiu retirar o tumor e voltou a jogar basquete na NBA após dois meses de recuperação.

Niki Lauda: Campeão da Fórmula 1 em 1975, Niki Lauda teve um acidente grave em 1976 em Nurburgring. Depois da batida, o carro do austríaco pegou fogo e ele ficou preso nas ferragens por alguns minutos. Apesar de quase ter morrido pelas queimaduras, Lauda saiu do hospital só com uma deformação da orelha e da face. O piloto continuou na Fórmula 1 e ainda foi campeão mais duas vezes: 1977 e 1984.

Niki Lauda: Campeão da Fórmula 1 em 1975, Niki Lauda teve um acidente grave em 1976 em Nurburgring. Depois da batida, o carro do austríaco pegou fogo e ele ficou preso nas ferragens por alguns minutos. Apesar de quase ter morrido pelas queimaduras, Lauda saiu do hospital só com uma deformação da orelha e da face. O piloto continuou na Fórmula 1 e ainda foi campeão mais duas vezes: 1977 e 1984.

Narciso: Em 2000, o ex-jogador de futebol teve um tipo raro de leucemia e precisou abandonar os campos por três anos para fazer tratamento intensivo. Depois de um transplante de medula, Narciso ficou curado em 2003 e voltou a jogar. Hoje ele é técnico de futebol.

Narciso: Em 2000, o ex-jogador de futebol teve um tipo raro de leucemia e precisou abandonar os campos por três anos para fazer tratamento intensivo. Depois de um transplante de medula, Narciso ficou curado em 2003 e voltou a jogar. Hoje ele é técnico de futebol.

Serena Williams: A melhor tenista da atualidade sofreu de embolia pulmonar em 2011. Depois de uma cirurgia, Serena conseguiu tirar o coágulo do pulmão e, depois de quatro meses, voltou às quadras.

Serena Williams: A melhor tenista da atualidade sofreu de embolia pulmonar em 2011. Depois de uma cirurgia, Serena conseguiu tirar o coágulo do pulmão e, depois de quatro meses, voltou às quadras.