Fluminense ultrapassa marca de 40 mil sócios duas semanas após lançamento de novos planos

Fluminense bateu 40 mil sócios-torcedores após lançamento dos novos planos (Foto: Divulgação)


O Fluminense bateu, nesta terça-feira, a meta de 40 mil sócios-torcedores estabelecida há duas semanas, quando o clube lançou os novos planos e benefícios. A marca é inédita para a história do programa e não foi batida nem quando a torcida fez campanha de associação em massa durante a pandemia da Covid-19.

A divulgação das novidades aconteceu no dia 7 de junho. No momento, o contador da plataforma do Sócio Futebol registrava 37.344 associados. Desde então, o Flu contabilizou quase 3 mil adesões. Agora, a nova meta está nos 45 mil sócios.

+ Saiba os clubes do Brasil com mais sócios-torcedores

Durante essas duas semanas, o Fluminense já promoveu algumas experiências exclusivas para sócios através do novo programa de pontos. Os associados puderam resgatar, entre outras coisas, visita ao CT Carlos Castilho e Match Day em jogos.

Veja a tabela da Série A do Brasileirão

Em entrevista em janeiro, o presidente Mário Bittencourt afirmou que se o clube chegasse a 40, 50 ou 60 mil sócios, teria "um time vinculado totalmente ao programa“, já que a receita é toda voltada ao futebol. No início do ano, o Tricolor teve uma arrecadação recorde, com cerca de R$ 400 mil por mês.

Entre as novidades estão o acúmulo de pontos para trocar por produtos e experiências, ingresso extra com desconto para acompanhante e kit com produtos exclusivos, além de planos popular e para a família. O clube se baseou em três pesquisas realizadas recentemente com mais de 12 mil torcedores, além de um minucioso estudo de mercado de programas no país e no exterior e uma análise do comportamento dos atuais sócios.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos