Fluminense chega a acordo com Midtjylland e se aproxima de acerto com Marrony

Após acertar a contratação de Alan, o Fluminense encaminhou mais um reforço para a temporada. O tricolor e o Midtjylland chegaram a um acordo pelo atacante Marrony, que está próximo de assinar contrato de empréstimo válido até julho de 2023. Inicialmente, o clube dinamarquês pediu uma compensação financeira para liberar o atleta, cenário topado pelo tricolor.

Bastidores do Fluminense: veja as últimas notícias e análises

Bola de Cristal: chances de título, queda e de vitórias do seu time no Brasileiro

Assim, houve o "ok" para prosseguir e restam poucos detalhes a serem concluídos. A negociação está tão próxima de ser concretizada que o jogador já recebeu sinal verde para fazer as malas e voltar ao Rio de Janeiro para se apresentar ao Fluminense. Está acordada uma opção de compra no final de empréstimo.

Desde o princípio, Marrony já havia sinalizado positivamente para a proposta do Fluminense e tinha um pré-acordo encaminhado com o clube. A ponto de viajar até a Dinamarca para conversar pessoalmente com os dirigentes do Midtjylland. O desejo de Fernando Diniz em contar com o jogador também pesou bastante para a decisão do atleta, a ponto de o treinador ligar diretamente para o atacante.

Veja o ranking: Os 30 maiores ídolos da história do Fluminense

Fluminense: os seis jogos que ajudam a entender a história

O tricolor contava com a concorrência do Red Bull Bragantino, que também desejava a contratação do atacante — esta informação divulgada inicialmente pelo 'O Dia'. Na primeira proposta, o clube dinamarquês recusou e fez uma contraproposta. O Fluminense respondeu a essa contraproposta e os escandinavos toparam.

Marrony era um desejo antigo do Fluminense. O clube foi ao mercado para repor as saídas de Luiz Henrique, negociado com o Bétis, da Espanha, e que já se despediu do clube, e Fred, a dois jogos da aposentadoria. Alan foi contratado e o atacante era o alvo seguinte.

Marrony iniciou a carreira no Vasco, em 2015. Três temporadas depois, o atacante se destacou e fez a transição para a equipe principal do cruz-maltino, onde ficou até 2020. Depois, foi para o Atlético-MG e disputou uma temporada, tendo conquistado o estadual. No ano passado, o Galo realizou a venda do jogador para o atual clube, por 4,5 milhões de euros (cerca de R$ 28,3 milhões).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos