Flamengo terá de pagar bolada ao Benfica em caso de títulos

Flamengo pode ter que enviar alguns milhões de reais para o clube português por gatilhos de contrato.
Flamengo pode ter que enviar alguns milhões de reais para o clube português por gatilhos de contrato. Foto: (MAURO PIMENTEL/AFP via Getty Images)

Com duas finais importantes pela frente no mês de outubro, o Flamengo pode ter que despender uma certa quantia referente a algumas metas do contrato firmado com o Benfica pela transferência do atacante Everton Cebolinha. Em caso de título da Copa do Brasil e da Copa Libertadores da América, os gatilhos contratuais podem fazer com que o clube carioca tenha que depositar um milhão de euros, cerca de R$ 5,1 milhões na cotação atual.

No acordo firmado entre os dois clubes, foi estabelecido que o Flamengo teria a obrigação de pagar 500 mil euros por título conquistado com a presença de Everton na competição. Outra cláusula também colocava a obrigação de que o pagamento teria de ser feito em até 30 dias após a data da final da competição em questão. Para a Copa do Brasil, o limite do depósito será no dia 19 de novembro e para a Libertadores, no dia 29 do mesmo mês.

Leia também:

O Flamengo acertou com o Benfica o pagamento de 13,5 milhões de euros em oito parcelas iguais de, exatamente, 1.687.500 euros a serem depositadas duas por ano. O vínculo com o atacante revelado pelo Grêmio é válido até o fim do ano de 2026 e existem outros gatilhos no contrato: caso Everton fique até dezembro de 2025 no Rio de Janeiro e atue em mais de 100 jogos pelo clube carioca, o Flamengo terá de pagar cerca de 1,5 milhão de euros ao Benfica, o que totalizaria o negócio no valor de 16 milhões de euros.

Com 18 partidas disputadas com a camisa rubro-negra, Everton Cebolinha marcou apenas um gol e concedeu duas assistências para que seus companheiros pudessem balançar as redes adversárias.