Flamengo lamenta a morte do ator e grande rubro-negro Milton Gonçalves

Milton Gonçalves morreu aos 88 anos (Foto: Reprodução / Globo Esporte)


O Flamengo lamentou a morte do ator Milton Gonçalves, que faleceu nesta segunda-feira, aos 88 anos, no Rio de Janeiro. O clube destacou que o artista era um grande torcedor, sendo vice-presidente social, sócio proprietário e sócio emérito do Rubro-Negro.

"O Clube de Regatas do Flamengo lamenta profundamente a morte do grande rubro-negro Milton Gonçalves, que foi Vice-Presidente Social, Sócio-Proprietário e Sócio Emérito do clube. Aos familiares e amigos do excepcional ator, desejamos muita força neste momento tão triste".

De acordo com os familiares, Milton Gonçalves morreu em casa por volta das 12h30, por consequências de problemas de saúde decorrentes de um AVC sofrido em 2020, quando precisou ficar internado por três meses. O velório do ator acontecerá nesta terça-feira, no Teatro Municipal, no Centro do Rio.

Artista consagrado, Milton Gonçalves se destacou em obras de sucesso, como Irmãos Coragem (1970), A Grande Família (1972), Escrava Isaura (1976), Carga Pesada (1979) e Sinhá Moça (2006), que lhe valeu indicação para o prêmio de Melhor Ator no Emmy Internacional. Ele deixa três filhos e dois netos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos