Fisioterapeuta consultor do Corinthians cita Sergio Ramos para explicar lesão de Renato Augusto

Renato também falou sobre importância do fisioterapeuta Bruno Mazziotti (Foto: Rodrigo Coca / Ag.Corinthians)


A situação física de Renato Augusto vem chamando atenção no Corinthians. O meia não atua desde desde 19 de junho, quando foi titular na vitória por 1 a 0 do Timão sobre o Goiás, pela 17ª rodada do Brasileirão.

+ GALERIA - Balbuena voltou! Relembre todos os gols do zagueiro pelo Corinthians

Os primeiros boletins médicos informados pelo clube davam conta de que o atleta vinha lidando com um desconforto na panturrilha.

Antes da partida contra o Flamengo, no domingo (10), pelo Campeonato Brasileiro, o Timão havia informado que o camisa 8 estava em transição física, assim como Fagner e Maycon.

Contudo, para o jogo de volta contra o Santos, pelas oitavas de final da Copa do Brasil, o Time do Povo passou nova atualização sobre Renato, informando que ele voltou a sentir dores na região.

Durante a coletiva após o jogo na Vila Belmiro, Vítor Pereira deu detalhes sobre a situação física do atleta, dizendo que as dores de Renato são no músculo Sóleo, que fica internamente entre os músculos gêmeos da panturrilha.

Eles são, em conjunto, os principais músculos da perna e essenciais para um atleta. O fisioterapeuta Bruno Mazziotti, contratado pelo clube alvinegro para ser um consultor, auxiliando na integração do trabalho e fluxo de informação, explicou a lesão e o momento de Renato Augusto.

- Hoje, o momento do Renato é de uma lesão na musculatura do solear, extremamente solicitada, que por característica, por conta da idade, todos os atletas começam a perder sua capacidade de produção, então é preciso ter cuidado - iniciou o fisioterapeuta para a Corinthians TV.

+ TABELA - Veja datas e simule os jogos do Corinthians no Brasileirão

Para explicar a razão por um tratamento mais conservador com Renato, Mazziotti citou Sergio Ramos. Quando chegou ao PSG na última temporada, o zagueiro espanhol passou pelo mesmo problema do meia corintiano, mas ficou afastado dos gramados por quase cinco meses.

O consultor do Timão elencou possíveis erros de cálculo do clube francês que atrapalharam a recuperação de Sérgio Ramos.

- Um exemplo peculiar, que aconteceu recentemente, foi a lesão do Sérgio Ramos, zagueiro de 34 anos, na mesma faixa do Renato. Ele passou quase cinco meses se recuperando de uma lesão como essa, pelo simples fato do cálculo de uma lesão como essa, no retorno ao campo, no melhor momento de colocá-lo para o jogo, para treino, dificultou essa recuperação. Sabendo dos equívocos que se cometem, e da responsabilidade que me cabe, eu prefiro ter o trabalho do Renato de bastante tranquilidade, cautela, porque sei o quanto esse atleta pode nos entregar - concluiu Mazziotti.

Após a classificação às quartas de final da Copa do Brasil, Vítor Pereira explicou que Renato deverá passar por um recondicionamento físico antes de ser relacionado.

O treinador português espera que o camisa 8 possa estar 100% para as partidas contra o Flamengo na Libertadores, que acontecem no dia 2 e 9 de agosto.

- Sinceramente, não podemos arriscar, depois vem a parte física. Quando deixar de sentir dor, que é uma dor muito chata, vai ter que se condicionar fisicamente. Eu espero que venha a tempo de nos ajudar (na Libertadores) - ponderou o treinador corintiano após avançar na Copa do Brasil.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos