Finais NBA: Surpreso, técnico dos Warriors exalta atuação de gala de Andrew Wiggins contra os Celtics

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Steve Kerr elogiou atuação de Wiggins em vitória dos Warriors (Foto: EZRA SHAW / AFP)
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


Acostumado a exaltar Stephen Curry e seus feitos após as partidas, o técnico Steve Kerr teve uma noite diferente após a vitória do Golden State Warriors sobre o Boston Celtics por 104 a 94 na noite desta segunda-feira, pelas finais da NBA.

Os repórteres até perguntaram sobre Curry e sua atuação atípica, mas o principal assunto da noite foi mesmo Andrew Wiggins. O ala canadense surpreendeu ao anotar 26 pontos e pegar 13 rebotes, sendo o principal jogador do confronto.

- Ele tem sido fantástico, não só nessa série, mas em todos os playoffs. Os jogadores mais experientes o ajudam a entender o que precisamos dele e ele tem usado toda sua capacidade atlética para nos ajudar - elogiou Kerr, destacando o momento de seu jogador.

- Ele está muito confiante e está aproveitando os playoffs. Ele ama o desafio e a competição e tem um papel fundamental no nosso time, acho que isso o empodera em quadra. Ele sabe o quanto o time precisa dele - destacou.

O próprio Steve Kerr demonstrou certa surpresa com a atuação de Wiggins contra os Celtics, mas aproveitou para lembrar da importância do encaixe para que os jogadores tenham sucesso na liga norte-americana.

- A gente não fazia ideia de que ele teria uma contribuição desse nível. Mas acho que serve como um lembrete. As circunstâncias são importantes para os jogadores. Você tem que encontrar o lugar certo, os companheiros certos. Wiggins encaixou muito bem - acrescentou.

Além de Andrew Wiggins, o treinador dos Warriors também comentou sobre a noite de Stephen Curry, que terminou o jogo com 16 pontos em 7 de 22 nos arremessos de quadra. Mesmo sem tanta inspiração no ataque, o armador teve seu papel reconhecido pelo comandante do time.

- A chave do jogo para a gente é a defesa, e ele é uma grande parte disso. Boston o atacou o tempo inteiro e ele segurou as pontas. Sobre os erros no ataque, uma hora ia acontecer. Ele tem arremessado tão bem, mas chega um momento em que você tem uma noite difícil. Porém temos um elenco muito talentoso que compensou - apontou Kerr.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos