Ferrari lidera treinos no GP da Holanda, Red Bull tem dificuldades

O piloto Charles Leclerc, da Ferrari, em ação durante os treinos para o Grande Prêmio da Holanda.REUTERS/Yves Herman

ZANDVOORT, HOLANDA (Reuters) - Ferrari e Mercedes atrapalharam o que poderia ser a festa de boas-vindas do atual campeão da Fórmula 1, Max Verstappen, com os tempos mais rápidos nos treinos para o Grande Prêmio da Holanda, em Zandvoort nesta sexta-feira, enquanto a Red Bull teve um dia para esquecer.

Charles Leclerc, da Ferrari, foi o mais rápido na última sessão no circuito à beira-mar, com a melhor volta de 1min12s345.

O companheiro de equipe Carlos Sainz foi o segundo nas telas de cronometragem, apenas 0,004 mais lento, com o heptacampeão mundial da Mercedes, Lewis Hamilton, em terceiro e 0,072 atrás.

"Estamos todos extremamente próximos. Ainda é uma surpresa ver todos tão próximos", disse Leclerc, que estava descontente com o equilíbrio de seu carro.

"Vai ser um dia complicado amanhã, mas estamos ansiosos para dar mais um passo."

O líder do campeonato Verstappen, da Red Bull, foi o oitavo, depois de perder a maior parte da sessão de abertura devido a um problema na caixa de câmbio que interrompeu a sessão enquanto seu carro era recuperado.

"Hoje não foi muito bom, mas vamos dar uma olhada em tudo durante a noite. Com certeza podemos fazer melhor do que isso", disse o atual campeão.

(Reportagem de Alan Baldwin)