Técnico interino do Santos não joga a toalha na Copa do Brasil e pretende usar time titular

Marcelo Fernandes comandou o Santos nos últimos quatro jogos (FOTO: Ivan Storti/Santos FC)


Após a vitória do Santos contra o Atlético-GO por 1 a 0, na Vila Belmiro, pelo Campeonato Brasileiro, o Peixe vira a chave e foca na preparação para o duelo contra o Corinthians na Copa do Brasil.

+ Semana de oitavas da Copa do Brasil! Saiba os valores das premiações fase a fase até o título

O técnico interino Marcelo Fernandes, porém, não pretende poupar os jogadores. Apesar disso, os próximos dias vão ser importantes para definir a equipe que vai a campo no clássico.

- Vai depender de segunda e terça. Para vocês terem noção, tivemos o Sánchez que entrou bem em dois jogos e na minha linha de trás tínhamos o Felipe Jonatan vindo de Covid, o Maicon com a posterior com gelo, o Madson parado há quanto tempo... A troca do Zanocelo foi só pelo cartão. Não tinha condição de arriscar. Depois o Rodrigo a mesma coisa. Vamos avaliar, sim, até terça-feira, para por o que tiver de melhor para buscar a classificação - disse o treinador.

A missão do Peixe não será fácil. A equipe precisa vencer por 4 gols de diferença para levar aos pênaltis. Em caso de vitória por cinco gols, o Santos se classifica. O Corinthians joga pelo empate, vitória e até mesmo derrota por três gols de diferença.

- Não vai ter experiência nenhuma. Estamos disputando um campeonato. Logicamente o primeiro jogo foi atípico, mas jogamos dentro de casa e sabemos da importância de quarta-feira. Se é para entrar para fazer experiência a gente não joga. Vamos entrar para buscar a classificação - completou Marcelo Fernandes.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos