Fãs serão investidores de filme sobre Reinaldo, ídolo do Atlético-MG


Pela primeira vez os torcedores serão os investidores de um produto oficial de um clube de futebol. Numa operação inédita, através de uma chamada pública, fãs poderão investir e serem donos dos direitos econômicos gerados pelo filme “Reinaldo, Rei do Galo”.

Criado pela Feel The Match, startup especializada em desenvolvimento e produção de propriedades intelectuais para blockchain e streaming, o projeto inaugura uma série que também envolverá outros grandes clubes e torcidas do país.

Os interessados podem ir até o site do projeto, ler as condições e seguir os passos para baixar o app da plataforma Divihub, onde a operação será feita. No site estão detalhadas todas as características do investimento, que pode ser feito a partir do valor de R$ 50, com pagamentos por PIX, Cartão de Crédito ou Boleto Bancário. Além disso, ao se cadastrarem, os novos usuários ganham um crédito de R$ 10 para investir.

O modelo é inovador por oferecer um retorno financeiro real aos torcedores e fãs, já habituados a investir nas suas paixões. O fundador da Feel The Match, Bruno Maia, explica:

- O torcedor já se sente dono dos seus clubes e seus ídolos. E é mesmo! Ser dono e participar do resultado econômico dos produtos que amamos consumir é uma tendência de mercado que as novas tecnologias facilitam cada vez mais. O futebol se acostumou a só pedir dinheiro do torcedor. No Brasil, ele nunca tinha sido tratado dessa forma, como investidor. É isso que ele é! Mais do que a produção de um filme, teremos uma jornada de entretenimento e múltiplas entregas para esses investidores aproveitarem e curtirem o produto desde a sua gênese até o final, que é quando o resultado econômico acontece. O financiamento é só a primeira etapa de um jeito novo de se criar produtos com as novas tecnologias, especialmente, de blockchain. O torcedor pode ficar empolgado porque o “Rei do Galo" ainda vai apresentar muitas outras inovações, antes mesmo de ser lançado. - expressou Bruno Maia.

O Atlético-MG, clube do qual Reinaldo é um dos maiores ídolos da história, é também parceiro da Feel The Match no projeto, e tem investido há alguns anos em inovação e novos produtos.

- Foram dois fatores: em pesquisas, vimos que o Reinaldo é um dos ídolos de maior unanimidade dentro dos grandes clubes brasileiros, e o fato do atleticano ser um torcedor com alto consumo de produtos digitais, vide o sucesso do Sócio Torcedor e de outras tantas iniciativas de inovação bem sucedidas, feitas por lá no último ano. - explica Bruno Maia

Reinaldo
Reinaldo

Torcedores terão retorno no investimento - Divulgação

A Head de Inovação do Atlético-MG, Débora Saldanha, celebrou a iniciativa do clube, e falou sobre as novidades que o investimento trará:

- Além da importância de homenagear em vida um dos maiores ídolos do Galo, e de entregar um conteúdo de primeira qualidade ao nosso torcedor, esse projeto vem ao encontro do que acreditamos e estamos idealizando no que se refere às novas tecnologias: democratizar o acesso à propriedades antes distantes, tornando o fã realmente dono e/ou parte integrante do processo, além de fomentar uma comunidade não só de torcedores do Galo, mas de apaixonados por futebol. E ser o primeiro clube a apoiar um projeto como este é manter o Galo na vanguarda da inovação não só no Brasil, como no mundo. - afirmou Débora.

A meta da chamada pública é captar R$1,5 milhão. Este valor ainda será complementado com outros investimentos corporativos. Quando as receitas começarem a acontecer, ela será direcionada inicialmente para retornar 100% do investimento dos fãs que investiram na Chamada Pública, da Divihub. Só depois de retornar esse valor é que os outros investidores corporativos começam a receber.

- Nossa ideia é minimizar o risco dos fãs. Esse projeto é, antes de mais nada, uma homenagem deles, especialmente dos atleticanos, ao Reinaldo. Por isso, eles têm prioridade contratual para receber de volta o valor investido antes de qualquer outro investidor e, enquanto todos não tiverem recebido o valor integral de volta, ninguém mais recebe. - explica Bruno Maia.

- Vale frisar que o Reinaldo também é sócio desse projeto. Ele é o primeiro dono do projeto e diretamente beneficiado pelo sucesso da paixão que provoca nos seus fãs. - complementa.

Para além do esporte, a direção do projeto acredita que a tokenização de direitos é um caminho inovador para toda a indústria do entretenimento, especialmente do audiovisual. A gestão cita que, em meio às dificuldades de se obter financiamentos via leis de incentivo e a perda de direitos intelectuais de obras que são desenvolvidas para plataformas de streaming internacionais, uma nova esperança passa a existir.

- A tecnologia vem para empoderar os criadores de conteúdo, que precisam, por sua vez, ter o discernimento dessa nova cadeia de valor e de que uma propriedade intelectual tem muitos outros valores intrínsecos ao seu desenvolvimento, além do produto final. Nós criamos sonhos e experiências únicas. É por isso que tenho certeza que este será o primeiro projeto audiovisual desta dimensão a ser realizado neste modelo e abrir caminho para muitos outros. O Brasil tem um potencial de criações intelectuais que será muito beneficiado por este novo modelo. - afirma Bruno Maia.

Sobre a Feel The Match

A Feel The Match é uma desenvolvedora de propriedades intelectuais para Web3 e Streaming. Fundada em 2021, a empresa já produziu projetos como a série “Romário - O Cara” para HBO MAX (previsão de lançamento para 2023) e “Nos Armários dos Vestiários” (Globo), sobre a homofobia no futebol, com repercussão mundial. Além disso, a Feel The Match lança em setembro a primeira plataforma de Utility Tokens do Brasil, a Feel The Match X, para oferecer experiências exclusivas em grandes produtos culturais, através de tecnologias blockchain.

Sobre a DIVI•hub

A DIVI•hub é uma plataforma de investimentos em negócios criativos e de impacto, homologada sob instrução 88 da CVM (Comissão de Valores Mobiliários). Fundada pelo brasileiro Ricardo Wendel em 2020, DIVI•hub inaugurou o passion investment no país, modalidade que permite às pessoas se tornarem sócias do que gostam e consomem, como projetos de entretenimento. A partir de R$10, é possível adquirir cotas de negócios, tendo direito benefícios exclusivos, além de participação na receita ou nos lucros.

Em junho de 2022, a DIVI•hub atingiu um marco inédito entre as plataformas de crowdinvesting no Brasil, captando R$ 1 milhão em apenas 42 minutos para projeto de inauguração da Love Cabaret pelo empresário Facundo Guerra, casa noturna localizada no antigo imóvel da icônica boate Love Story.