Fã mirim de Willian presenteia o jogador e consegue camisa do meia do Corinthians


Craque do Corinthians e natural de Ribeirão Preto, Willian já tinha todas as credenciais para ser o jogador corintiano preferido da pequena Mirella, de sete anos. A garotinha é natural da mesma cidade que o camisa 10 do Timão nasceu e se criou, e desde o retorno do atleta ao clube alvinegro sonhava em conhecê-lo e ganhar uma camisa dele.

+ Veja chegadas e saída do Corinthians no mercado

A oportunidade perfeita foi no treino aberto do Corinthians, que aconteceu na última sexta-feira (8), na Neo Química Arena. Acompanhada do seu pai, Henrique, Mirella foi até o estádio corintiano com uma faixa que dizia: ‘Wilian, sou a sua fã. Me dá a sua camisa?’.

– Como eu queria muito ganhar a camisa do Willian, quem me ajudou a fazer o cartaz foi a minha mamãe Josi. Eu gosto do Willian porque ele é muito gentil, porque ele mora na minha cidade e joga no Coringão – disse a menina à reportagem do LANCE! presente em Itaquera.

Mirella - Treino Aberto Corinthians
Mirella - Treino Aberto Corinthians

(Foto: Fábio Lázaro/Lancepress)

Toda a família de Mirella é corintiana. Boa parte, inclusive, esteve presente na Neo Química Arena. Mas a herança transmitida à menina foi pelo seu pai, não só em relação ao amor pelo Timão, mas pela admiração por Willian.

– Esse amor todo foi transmitido para a Mirella. Eu tenho outro filho, o Luan, que tem dois meses, e esse amor vai ser transmitido para ele, com certeza. E ela criou esse amo pelo Corinthians. Quando eu tenho a oportunidade de levar ela, ela fica toda emocionada. Esse carinho pelo Willian vem da pessoa que ele é, uma pessoa muito humilde e por ele ter vivido na nossa cidade, em Ribeirão Pires. Ele morou próximo de onde a gente mora – contou Henrique.

Henrique segue a carreira do jogador desde os primeiros passos, em Ribeirão, e o fato do meia ter atuado no Corinthians só aumentou a admiração do rapaz de 36 anos, que se manteve acompanhando o jogador mesmo quando o meia foi para a Europa, onde atuou por 14 anos, vestindo as camisas do Shakhtar Donetsk-UCR, Anzhi-RUS, Chelsea-ENG e Arsenal-ENG.

+ Confira a tabela do Brasileirão e simule os próximos jogos

– Moro em Ribeirão Pires desde que nasci, por isso acompanho a carreira do Willian desde o início, desde que ele jogava no Ribeirão Pires Futebol Clube, que é um clube aqui da cidade, foi ali que ele deu os primeiros passos no futebol. E a minha admiração por ele começou quando ele foi jogar no Corinthians, e a carreira dele fora eu sempre acompanhei, e agora tô mais do que feliz com a volta dele ao Coringão, e espero que ele não saia do Corinthians tão cedo, porque é um cara muito humilde, muito 10, joga muita bola e sempre que pode vem aqui pra Ribeirão Pires – disse o pai de Mirella.

No fim do treinamento, Willian foi até o setor onde a corintianinha estava, ela a presenteou com o cartaz e ele a devolveu com a camisa. O meia ainda conversou rapidamente com a menina, dizendo que a daria uma camisa estampada com o número 9, do atacante Róger Guedes, porque era a disponível no momento, mas que o presente era de coração.

Questionada se utilizaria a camisa em ocasiões especiais ou se guardaria, a garotinha se mostrou em dúvida, mas não escondeu a felicidade.

- Ah os dois (utilizaria em ocasiões especiais e guardaria). Eu estou muito, muito feliz mesmo - disse Mirella.

Mirella - Treino Aberto Corinthians
Mirella - Treino Aberto Corinthians

Mirella com a camisa presenteada por Willian (Foto: Fábio Lázaro/Lancperess)

Mirella tem um canal no Youtube, chamado ‘Mirella Corintianinha’, nele a garotinha comenta as notícias e analisa os jogos do Timão em um cenário repleto de referências ao Time do Povo.

No canal da corintianinha também há muitas referências a Willian, principalmente na época em que o camisa 10 retornou ao Corinthians.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos