Estátua de cabeçada de Zidane volta a ser exibida no Catar

Obra que representa golpe de Zidane em Materazzi será exposta como preparativo para a Copa do Mundo.
Obra que representa golpe de Zidane em Materazzi será exposta como preparativo para a Copa do Mundo. Foto: (KARIM JAAFAR/AL-WATAN DOHA/AFP via Getty Images)

Parte dos preparativos do Catar para a Copa do Mundo, que será realizada entre os dias 21 de novembro e 18 de dezembro deste ano, a estátua que representa a cabeçada de Zinedine Zidane em Marco Materazzi na final da Copa do Mundo de 2006 voltará a ser exibida em Doha.

Feita pelo artista argelino Abdel Abdessemed, a estátua havia sido retirada da avenida à beira-mar de Doha no ano de 2013, por protestos que diziam que a obra tinha como fim promover a idolatria, o que é proibido no Islã, mas foi adquirida pela Autoridade de Museus do Catar e passará a ser exibida no Museu do Esporte do Catar.

Leia também:

Cheikha Al Mayassa Al Thani, presidente dos museus do Catar, afirmou que a decisão de voltar a exibir a obra de arte, mas em outro local, foi por uma impressão de que a via pública não seria a melhor opção: "Tivemos a impressão de que não era um bom lugar e ela vai ser reinstalada. Pensamos em fazê-lo no Museu 3-2-1. Com a escultura de Zinedine Zidane, falaremos sobre o estresse dos atletas durante os grandes torneios e a importância de falar sobre questões de saúde mental".

Além da exposição que terá o momento histórico envolvendo o astro francês e o zagueiro italiano, o calendário de cultura do Catar ainda prevê, entre outras ações, uma exposição dedicada ao futebol no Museu do Esporte que será feita a partir do mês de outubro. Em reforma, o Museu de Artes Islâmicas também deve ser reaberto no mês que antecede o Mundial.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos