Em busca do título: Veja retrospecto da Seleção Brasileira feminina em Campeonatos Mundiais

Atual geração brasileira busca título que não foi conquistado pelas bicampeãs olímpicas (Foto: Yuri Corteza/AFP)


A Seleção Brasileira de Voleibol Feminino busca o seu primeiro título do Campeonato Mundial. Após o vice-campeonato da Liga das Nações, as meninas brasileiras querem o troféu para escrever mais um lindo capítulo do voleibol nacional, no qual ainda falta a conquista do Mundial. Dessa forma, confira como é o retrospecto do nosso país na competição e as expectativas para a atual edição.

+ Confira memes após a derrota do Vasco

Não foi por falta de qualidade ou de tentativa. Em Campeonatos Mundiais, o Brasil já amargou três segundas colocações: em 1994, 2006 e 2010.

A edição de 1994 foi realizada nas cidades Belo Horizonte e São Paulo. A seleção fez grande competição, assegurando vaga na final e garantindo a primeira medalha do país na competição.

Os destaques do Brasil eram Fernanda Venturini, levantadora e líder técnica da equipe, a ponteira Virna e a central Ana Flávia.

Contudo, elas não foram páreas para a fortíssima equipe cubana. Lideradas por Regla Torres, eleita MVP da competição, e Mireya Luis, melhor atacante do Mundial. A seleção brasileira perdeu a decisão por 3 sets a 0.

Em 2006 e em 2010, as meninas perderam nas finais para a Rússia. Na primeira decisão, existia forte pressão sobre a seleção por conta da derrota para a própria Rússia na semifinal das Olimpíadas de Atenas, em 2004.

Na ocasião, o Brasil vencia a Rússia na semifinal por 24 a 19 no quarto set. Porém, as russas viraram, levaram o jogo para o tie-break e garantiram vaga na grande decisão.

Quase dois anos depois, a nossa seleção quase venceu as arquirrivais. Realizado no Japão, o Brasil teve campanha excelente durante todo o torneio, mas perdeu no quinto set, mais uma vez, para a Rússia.

Em 2010, o Brasil não possuía mais a fama de "amarelão". Porém, ainda se mostrava inferior à seleção russa nas grandes finais. Na grande final, as brasileiras não conseguiram bater as campeãs mundiais da época, perdendo em mais um tie-break. A vingança veio em 2012, com o bicampeonato olímpico, em cima da histórica adversária.

Desempenho abaixo do esperado no Mundial 2018

Na última edição da competição, a Seleção Brasileira, comandada por José Roberto Guimarães, amargou pior campanha desde o mundial de 2002. A equipe terminou o torneio em 7º lugar.

O Brasil precisava vencer o Japão por 3 sets a 0, mas perdeu duas parciais. Durante a campanha, a seleção não demonstrou, em nenhum momento, que era um dos favoritos ao título - o time sofreu com lesões de jogadoras importante, como as ponteiras Gabi e Natália.

Agora, o time brasileiro busca passar por cima do retrospecto e conquistar o título inédito. Com diversos títulos importantes e finais mundiais no currículo, a atual seleção é uma das favoritas no Campeonato Mundial de 2022, ao lado de equipes como Itália - campeã da Liga das Nações - e Estados Unidos - atual campeão olímpico.

AO VIVO E DE GRAÇA: LANCE! está transmitindo ao vivo e de graça jogos da Bundesliga. Confira todas as informações sobre o torneio e transmissão aqui.