Elon Musk diz que estava brincando sobre compra do Manchester United

Elon Musk diz que estava brincando sobre compra do Manchester United

(Reuters) - Tendo visto oito treinadores entrarem e saírem em menos de 10 anos, os torcedores do Manchester United estão acostumados com a fase ruim. Mas na quarta-feira foi lançada uma luz diferente sobre o gigante do futebol: Elon Musk disse que estava comprando o clube - e depois disse que era uma brincadeira.

Musk, a pessoa mais rica do mundo, afirmou na quarta-feira que não estava falando sério quando tuitou horas antes que iria comprar o Manchester United, cujos torcedores pedem aos atuais proprietários, a família norte-americana Glazer, que vendam o clube.

"Não, esta é uma brincadeira de longa data no Twitter. Não estou comprando nenhum time esportivo", postou Musk quando perguntado por um usuário se ele estava falando sério sobre comprar o clube quando postou: "Estou comprando o Manchester United".

"Embora, se fosse qualquer time, seria o Man U", acrescentou. "Eles eram meu time favorito quando criança."

Alguns torcedores do Manchester United já haviam pedido a Musk no Twitter que considerasse a compra do clube, reclamando do que consideram baixo investimento em um dos maiores clubes de futebol do mundo.

O Manchester United não conquista o título da liga inglesa desde os tempos do lendário técnico Sir Alex Ferguson, em 2013, apesar dos esforços de oito treinadores permanentes e temporários desde então.

(Reportagem de Juby Babu em Bengaluru e Hyunjoo Jin em San Francisco)