Edu se coloca no Top 3 de artilheiros do Cruzeiro nos últimos 10 anos

Edu já marcou 19 gols com a camisa celeste (THOMÁS SANTOS/STAFF IMAGES)​


O atacante Edu chegou ao Cruzeiro no início deste ano para suprir uma das principais carências do time nas últimas temporadas: a falta de um homem-gol. E o artilheiro está dando conta do recado, já assumindo um lugar no coração da china azul. Em 39 jogos pela Raposa, o camisa 99 marcou 19 gols na temporada até aqui, igualando o centroavante Borges, que foi campeão Brasileiro em 2013.

Depois de viver um jejum de 13 jogos sem balançar as redes, Edu marcou seu terceiro gol nas últimas quatro partidas. É o artilheiro celeste na Série B com oito tentos em 26 jogos.

O fim da fase ruim marcou também uma mudança no estilo do centroavante, que passou a adotar o bigode após marcar contra o Náutico e encerrar o período sem balançar as redes.

- Eu falei no jogo contra o Náutico. Cortei o cabelo e quando ficou o bigode, falei para o Iuri deixar, o cara que corta o cabelo da galera lá, deixa o bigode, porque se eu fizer gol contra o Náutico, vou cumprir a promessa e ficar assim até o fim do campeonato. Não curto muito, mas promessa é promessa, tem que cumprir - comentou.

O centroavante está a dois gols de igualar a marca de Fred, segundo colocado, que marcou 21 gols em 54 jogos em 2019. Para passar o maiores artilheiros do Cruzeiro em uma única temporada nos últimos dez anos, Edu precisa de mais cinco tentos para igualar Ricardo Goulart e Marcelo Moreno, que marcaram 24 gols cada um, em 2014.

Os maiores artilheiros do Cruzeiro, no século, em uma temporada, são Fred e Alex. O atacante fez 40 gols em 2005, na sua primeira passagem. Por sua vez, em 2003, Alex marcou 39 gols na campanha da Tríplice Coroa.