Edenílson cobra jornalista em treino aberto: "Não sou palhaço"

Principal alvo de críticas por parte da torcida do Inter, Edenílson fez cobrança com dedo em riste. Foto: (Lucas Garske/Rádio Grenal)
Principal alvo de críticas por parte da torcida do Inter, Edenílson fez cobrança com dedo em riste. Foto: (Lucas Garske/Rádio Grenal)

Principal foco das críticas da torcida do Internacional por conta da eliminação na Copa Sul-Americana para o Melgar, do Peru, o meia Edenílson tomou uma atitude inesperada no treinamento desta terça-feira, no CT Parque Gigante, onde o elenco principal do colorado se reapresentou após a vitória por 3 a 0 para cima do Fluminense no último domingo, em partida válida pela vigésima segunda rodada da Série A do Campeonato Brasileiro.

Durante as atividades comandadas pelo treinador Mano Menezes e sua comissão técnica, Edenílson deixou o campo e se dirigiu à área onde a imprensa é posicionada quando os treinamentos são abertos e fez cobranças ao repórter Lucas Collar, do portal Vozes do Gigante, com o dedo em riste e proferindo palavras em tom de irritação: "Toma mais cuidado. Seja mais profissional. Quando for falar no meu nome, me tira do teu circo. Não sou palhaço. Sou profissional para c******".

Leia também:

Lucas Collar, então, questionou o líder do elenco sobre qual seria a sua insatisfação, mas não obteve resposta. Em contato com GZH, Collar afirmou que: "Sou um crítico do Edenilson, mas acredito que não tenha faltado com respeito ao profissional em nenhum momento. Tanto que perguntei qual era o problema e ele não respondeu".

Recuperado do edema no joelho esquerdo que o tirou da partida contra o Flu no Estádio Beira-Rio no último final de semana, a primeira após a eliminação da competição continental, Edenílson treinou normalmente nesta quarta-feira e deve estar à disposição para Mano Menezes na partida contra o Avaí na próxima segunda-feira.