Dorival valoriza união no Flamengo e exalta Gabigol: 'Tem se dedicado muito'


O Flamengo emplacou mais uma vitória sobre o São Paulo, dessa vez por 1 a 0, e confirmou a classificação para a final da Copa do Brasil, nesta quarta-feira. Após a partida, o técnico rubro-negro, Dorival Júnior, valorizou o momento vivido no clube e celebrou a entrega de Gabigol desde que mudou de função.

+ ATUAÇÕES: dupla comanda vitória e se destaca no Flamengo

Para Dorival, a união entre todos envolvidos no dia a dia do Rubro-Negro faz toda a diferença nos bons resultados. Os elogios também foram direcionados especificamente para Gabriel Barbosa, que participou ativamente da partida desta quarta-feira.

- Eu acho que era tudo que nós buscávamos, consistência e maturidade. Já havíamos mostrado isso antes, para mostrar temos que ter uma segurança muito grande. Ser uma equipe que tem uma entrega diferenciada é muito importante, os jogadores tem que ter essa consciência. O que resume é a participação do Gabriel, pela entrega que teve, mesmo fugindo das suas características iniciais - disse, antes de completar:

- Ele tem se dedicado muito. Aos 43 minutos ele fez um tiro de 80 metros, saindo da área adversária para retomar a bola na nossa intermediária. Isso é muito representativo para o grupo. Espero que não percamos essa essência. Hoje aliamos tudo isso, segurança para atacar, boa movimentação e a participação efetiva de todos os jogadores na defesa. Foi a marca mais forte dessa partida - analisou.

+ Flamengo garante valor milionário em premiação e supera expectativas na Copa do Brasil


Dorival também comentou sobre a semana livre de treinos após o Fla-Flu deste fim de semana. O Flamengo terá 10 dias sem jogos, por conta da Data FIFA e, com isso, o treinador terá o primeiro tempo para trabalhar o elenco. Mesmo assim, ele cobrou cautela nas atividades.

- Nós vamos pensar sobre isso a partir de amanhã. Pode ser que aconteça. Teremos um jogo em que poderemos dar um passo importante com um bom resultado. É momento de definição também no Brasileirão. Vínhamos fazendo pontos importantes com uma equipe que não era a titular, mas foi responsável pela nossa crescente no Brasileirão. Queria deixar um alerta, é uma pena que isso aconteça, uma equipe fica refém dos resultados - começou, antes de prosseguir:

Dorival Júnior - Flamengo
Dorival Júnior - Flamengo

Dorival também está na final da Libertadores com o Rubro-Negro (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

- O Flamengo é a única equipe que está nas três competições, com possibilidade para ganhar os três campeonatos. Foi a única equipe que, em alguns momentos, tivemos que fazer ajustes. O resultado só se define em campo, independente daquilo que foi feito lá fora. Esses cuidados nós temos que ter sempre. Para mim, foram decisões importantes com respaldo da diretoria - frisou.

+ Veja a tabela do Brasileirão e simule os resultados dos jogos

- Não tomamos atitudes desnecessárias, tudo foi feito com consciência, tranquilidade e equilíbrio. Os resultados anteriores aumentaram as cobranças, mesmo em jogos complicados. O Ceará vem tendo bons resultados, o Goiás também, não são equipes qualquer, tem que ser muito respeitadas. Ainda estamos vivos na competição e vamos continuar com toda a força possível em busca de resultados - concluiu.

+ VÍDEO: Bruno Henrique celebra classificação na Copa do Brasil com torcida do Flamengo

Depois da classificação para mais uma final de mata-mata, Dorival e jogadores viram a chave e focam no clássico do fim de semana. Flamengo e Fluminense se enfrentam neste domingo, às 16h (de Brasília), no Maracanã.

VEJA OUTROS PONTOS ABORDADOS NA COLETIVA

Mais sobre semana livre de treinos
Nós não podemos passar do ponto. Nós teremos os primeiros dias de atividades diretas com os jogadores. Não podemos esquecer que teremos seis atletas com o grupo, convocados. Vamos ter que ter muito cuidado, não vamos usar esse período para resguardo, vamos acelerar o processo. Estamos do meio para o fim da temporada, teremos decisões importantes depois da passagem. Daremos uma atenção ainda maior ao Brasileiro, não que não tenha sido dada até agora. Eu acho que isso tem sido muito importante, temos que repensar rodada a rodada. Intensificar com aqueles que precisam, tendo a consciência de que não podemos nos exceder. Preparamos uma equipe para um jogo dificílimo contra o Fortaleza, em Fortaleza.

Elenco e peso do Flamengo
Eu não imaginava viver um momento como esse. Sempre confiei muito nesse grupo, sempre tive uma forma de acompanhar o Flamengo de uma maneira muito positiva. É uma equipe que sempre deu prazer de ver atuar, independente de quem estivesse no comando. Sempre me agradou, a grande maioria deles eu já conhecia. As nossas intervenções não foram individuais, a chegada do Dorival não mudou o Flamengo, mudou o jeito de ver o grupo. Todos os profissionais envolvidos fizeram um excelente trabalho, eu fico feliz de participar disso. Eu tinha na cabeça de voltar e viver coisas boas aqui, mas não imaginava esse momento tão bom. É uma satisfação ver o que estou vendo dessa equipe. Isso é reflexo de um trabalho muito sério, de uma entrega muito grande.

União do grupo e comparações com Santos 2010
Isso é um grande desafio que nem sempre você alcança. Nós treinávamos demais, eram trabalhos diários. O Flamengo tem muito dessa equipe (Santos de 2010), lembra muito. Mas tem algumas particularidades. O Santos atacava em velocidade, o Flamengo tem a retomada rápida após a perda da posse. Lógico que o Santos também tinha esses momentos, mas não existia essa compactação direto. O Flamengo ataca bem mais em bloco. São duas equipes prazerosas de ser, representam em muitos aspectos o verdadeiro futebol praticado no Brasil.