Dono do PSG é acusado de manter empresário em cárcere privado, diz jornal

Dono do PSG responde presidente do Real Madrid (Foto: FRANCK FIFE / AFP)


O presidente do PSG, Nasser Al-Khelaifi, estaria envolvido em um grande escândalo de chantagem, abuso e extorsão contra um empresário franco-argelino, Tayeb B., que teria posse de informações comprometedoras do catariano. A informação foi divulgada pelo jornal francês ‘Libération’.

+ Jornal francês destaca tensão entre Mbappé e Neymar no PSG

Nasser Al-Khelaifi teria mantido Tayeb B. em cárcere privado por dez meses por ter informações de que o dono do PSG estaria envolvido em um esquema de corrupção no processo de escolha pelo Qatar como país-sede da Copa do Mundo de 2022, que começa em novembro.

O empresário teria sido libertado após sofrer tortura pscológica, o que levou Tayeb B. a assinar um acordo de confidencialiadde e a entrega aos advogados de Al-Khelaifi as informações que comprometem o emir do Qatar.

Nasser Ak-Khelaifi tem relação com as autoridades do Qatar e é dono do Paris Saint-Germain desde 2011. Após a compra do clube francês, ele se tornou uma das personalidades mais influentes do futebol.