Dono do PSG tem interesse na SAF do Atlético-MG

Nasser Al-Khelaifi cogita comprar SAF do Galo (Aurelien MeunierGetty Images) (PSG via Getty Images)

Presidente do PSG, Nasser Al-Khelaifi está de olho na compra da Sociedade Anônima de Futebol do Atlético-MG. Ele representa um dos dez grupos de investimento estrangeiro que negocia com os 4Rs - a ideia do Galo é concluir o processo de SAF ainda neste ano, para acertar a venda em 2023.

Além de ser a cara do PSG desde 2011, Al-Khelaifi é CEO da QSI (Qatar Sports Investment), fundo de investimentos vinculado ao governo do Catar.

Leia também:

Antes de publicar sobre o interesse de Al-Khelaifi, o Blog consultou um dos 4Rs, grupo de mecenas do Galo, que e composto por Rubens e Rafael Menin, Ricardo Guimarães e Renato Salvador. A resposta não nega as tratativas.

“Temos bons fundos e clubes interessados, mas não podemos citar nenhum nome, em função dos acordos de confidencialidade”, explica a fonte.

Além do PSG, o Galo também é alvo da Fenway Sports Group, empresa dona do Liverpool, do Boston Red Sox e de uma emissora de TV.

Vale lembrar que os 4Rs querem vender o Galo com cifras bem superiores às já praticadas por outras SAFs brasileiras, como Botafogo e Cruzeiro (R$ 400 milhões), Vasco R$ 700 milhões) e Bahia (R$ 1 bilhão). A intenção atleticana também é ficar com o maior percentual de ações entre os rivais.