Djalminha avalia mudanças no Flamengo e faz duras críticas

Djalminha criticou a inconsistência do Flamengo em 2022 (Foto: Reprodução / ESPN)


O Flamengo vive uma temporada de altos e baixos, dentro e fora de campo. Apesar da boa fase, com quatro vitórias seguidas, vaga nas oitavas de final da Libertadores e a recente vitória no Fla-Flu, ainda existem dúvidas sobre o trabalho de Paulo Sousa e o fantasma de Jorge Jesus ainda sobrevoa o Ninho do Urubu.

No programa ESPN FC desta sexta-feira (3), o ex-jogador Djalminha criticou a inconsistência do Flamengo na temporada. Para ele, as mudanças sob o comando de Paulo Sousa não surtiram efeito e o Rubro-Negro não é mais aquele time dominante que foi nos últimos anos, especialmente em 2019, quando ganhou o Brasileirão e a Libertadores.

+ Jorge Jesus saiu da lista: veja 25 técnicos estrangeiros livres no mercado

- O Flamengo não é mais dominante. É diferente você ter grandes jogadores e um grande time. O Flamengo tem grandes jogadores, mas não tem mais um grande time. O time não é mais dominante. Ele consegue em alguns momentos, ir bem e com a categoria e qualidade dos jogadores, vai lá a faz os gols. Quando faz o gol, o adversário volta a dominar - disse.

- O Flamengo não tem mais a mesma intensidade de antes. Então isso tudo torna o Flamengo um time vulnerável, porque leva muitos gols e vem sendo sufocado até por adversários inferiores a ele, seja dentro ou fora de casa. Não tem mais um grande time, a realidade é essa - completou.

O Flamengo recebe o Fortaleza, no domingo (5), às 16h (de Brasília), no Maracanã, pela 9ª rodada do Brasileirão. O Rubro-Negro é o 8º colocado, com 12 pontos, enquanto o Leão do Pici é o lanterna do campeonato, com apenas dois pontos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos