Diniz explica situação de Fred e ressalta papel fora de campo no Fluminense


A grande surpresa entre os relacionados do Fluminense na vitória sobre o Avaí no Maracanã nem chegou a entrar em campo. Pouco mais de um mês depois, o atacante Fred voltou a aparecer no banco de reservas e foi muito pedido pela torcida, mas acabou não sendo utilizado por Fernando Diniz. Após a partida, o treinador explicou a opção. Willian Bigode e Wellington, duas das últimas substituições, foram muito vaiados.

- O Fred ficou um tempo se cuidando, voltou a treinar tem pouco tempo e estamos tomando todo o cuidado com o Fred. A presença dele no banco e no vestiário traz muita coisa positiva, só de ele estar junto. Ele é um cara adorado, idolatrado, assim como o torcedor. Eu tenho um respeito, um carinho, por tudo que ele fez na carreira. Eu tive o prazer de jogar com o Fred no fim da minha carreira. O futebol não é só feito com que se faz dentro de campo e o Fred soma muito. É uma figura única no Fluminense - afirmou o treinador.

Veja a tabela da Série A do Brasileirão

Fred - Fluminense
Fred - Fluminense

Fred voltou a ser relacionado no Fluminense (Foto: Leonardo Brasil/ Fluminense FC)

​Fred vive a expectativa pelos últimos jogos da carreira. Com contrato apenas até 21 de julho, o jogador encaminha a despedida. A tendência é que o martelo sobre a última partida seja batido nesta semana, mas a possibilidade mais cogitada no momento é que a última partida em casa seja contra o Ceará, dia 10 de julho.

O jogador ficou mais de um mês fora depois de voltar a sentir o problema de visão dupla no olho esquerdo antes da partida contra o Athletico-PR, em 14 de maio.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos