Deputados lituanos procuram FIFA para gerir federação de futebol

Seleção da Lituânia não vem de bons resultados nas últimas competições. Foto: Mehmet Emin Menguarslan/Anadolu Agency via Getty Images
Seleção da Lituânia não vem de bons resultados nas últimas competições. Foto: Mehmet Emin Menguarslan/Anadolu Agency via Getty Images

Deputados lituanos que representam a coligação no poder apresentaram um projeto de lei destinado a introduzir a gestão direta temporária da Federação Lituana de Futebol (LFF).

Mykolas Majauskas, presidente da Comissão Parlamentar de Orçamento e Finanças, diz que o projeto de lei garantiria que "as novas eleições democráticas da federação seriam organizadas sem representantes do mundo do crime".

Leia também:

"Queremos uma governação transparente e democrática da Federação Lituana de Futebol", disse o deputado a jornalistas.

A vice-ministra da Educação, Ciência e Esporte, Linas Obcarskas, diz que tal decisão pode ser útil para solucionar os problemas existentes na gestão da federação e na atualização do modelo operacional.

"O Estado não procura gerir federações e não pode interferir nas atividades das federações desportivas. Tal lei poderia talvez resolver urgentemente um antigo e doloroso problema, dissipar as dúvidas sobre o funcionamento desta federação e lançar as bases para uma nova e renovada atividade da federação. ", disse ele ao BNS.

No entanto, disse o vice-ministro, “é necessário considerar as potenciais consequências negativas de tal decisão”, incluindo a suspensão das seleções nacionais e o risco de não receber fundos das federações internacionais.

Por isso, o ministério propõe que a FIFA e a UEFA sejam envolvidas no processo. De acordo com o projeto de lei, um administrador temporário seria encarregado das funções dos órgãos de governo da LFF.

O administrador seria nomeado pelo Ministério da Educação, Ciência e Desporto, que faria uma auditoria financeira e operacional da federação e, no prazo de três meses a contar da entrada em vigor da lei, elaboraria e aprovaria o projeto de estatutos provisórios da LFF.

No início deste ano, a LFF recorreu à UEFA e à FIFA, que depois afirmaram que os estatutos da federação lituana de futebol estavam de acordo com os requisitos internacionais. Na Lituânia, a LFF tem sido criticada por maus resultados desportivos e alguns dos seus dirigentes terem ligações com o crime organizado.

A Lituânia ocupa atualmente a 142ª posição no ranking mundial da FIFA.