Dana White explica troca de emissora nas transmissões do UFC e projeta evento no Rio de Janeiro

Presidente do UFC revelou detalhes da troca (Foto: Reprodução/YouTube/UFC Brasil)


Nesta quarta-feira, o Ultimate Fighting Championship (UFC) anunciou uma mudança importante nas transmissões para o Brasil. A partir de 2023, a Rede Globo deixará de exibir os eventos, que passarão para a TV Bandeirantes. E o presidente do UFC, Dana White, comentou sobre as mudanças no streaming.

+ Globo perde direitos do UFC e evento de MMA volta a TV aberta brasileira

- Tenho excelentes notícias para os fãs do Brasil! Em 1 de janeiro de 2023, lançaremos a nossa plataforma de streaming, o UFC Fight Pass, no Brasil. Pela primeira vez, nossos fãs no Brasil terão acesso a todo o nosso conteúdo exclusivo, incluindo o maior acervo de esportes de combate do mundo com centenas de evento ao vivo - disse, antes de completar:

- Ninguém, e ninguém mesmo, tem mais programação de esportes de combate que nós. Com programas originais como "Fightlore", "Crônicas do UFC", "O ano do lutador" e muito mais, sempre há algo para assistir em qualquer lugar, a qualquer hora. Se você é um cara das lutas, não vai querer perder nada - analisou.

+ Ana Thais Mattos e Jader Rocha detonam briga entre torcedores de Ponte Preta e Vasco

Além dos programas exclusivos e da mudança nos direitos de transmissão, White também anunciou que o UFC retornará ao Rio de Janeiro. A edição 283 acontecerá em janeiro do ano que vem e deve ter um nome brasileiro disputando o título.

- A partir do ano que vem, o UFC estará de volta à TV aberta com uma seleção de eventos na TV Bandeirantes. Também estou empolgado para anunciar que finalmente voltaremos ao Rio de Janeiro, em 21 de janeiro para o UFC 283. Vejo vocês lá - finalizou o presidente do UFC.

+ Barcelona vai inovar! Como seriam as camisas dos clubes se fossem inspiradas nos escudos?