Cuca segue no Atlético-MG? Diretoria recua e tem incertezas para 2023

Cuca não vive boa fase no comando do Atlético-MG (Foto: Pedro Souza/Atlético-MG)


O Atlético-MG segue com indefinição para o seu comando em 2023. O clube, que antes prezava pela permanência de Cuca para o próximo ano, não tem mais tanta certeza sobre a manutenção do treinador, especialmente por conta de seus resultados.

Cuca chegou ao Atlético-MG na metade da temporada com contrato até novembro deste ano. Com situação indefinida para 2023, tanto o treinador quanto o clube vêm negociando uma possível permanência. Mas, devido aos maus resultados e indefinição do próprio técnico, o Galo pode recuar de um projeto com Cuca.

Desde que chegou ao Galo, Cuca tem duas vitórias, quatro empates e três derrotas em nove jogos, com um aproveitamento de apenas 37,03%. A equipe foi eliminada da Copa Libertadores sob o comando do treinador, e agora disputa uma vaga no G6 do Brasileirão.

O mau desempenho do time pode ser fator decisivo para a não permanência de Cuca no comando do Alvinegro. O treinador tem aproveitamento inferior ao seu antecessor, Turco Mohamed (66,67%).

Outro fator que corrobora para a saída de Cuca no final da temporada é a indecisão do treinador sobre continuar na equipe. Desde que voltou ao Galo, Cuca deixa o seu futuro em aberto, o que atrapalha o planejamento da diretoria atleticana.

Para 2023, a gestão do Atlético-MG tenta uma definição rápida para o seu corpo técnico. A diretoria do Alvinegro frisa que pretende evitar uma demora para definir o treinador da próxima temporada, assim como aconteceu em 2022.