Cruzeiro será julgado por atraso e invasão de torcedores em jogo contra a Chapecoense

Dentro de campo, partida terminou empatada em 1 a 1 - (Foto: Staff Images)


Denunciado com base nos artigos 206 e 213 do Código Brasileiro de Justiça Desportivo, na próxima terça-feira, o Cruzeiro será julgado pelo STJD, por incidentes na partida diante da Chapecoense, no Mané Garrincha, em Brasília.

Atraso no intervalo de jogo e invasão de torcedores foram relatados em súmula, e, portanto, podem acarretar multas financeiras ao clube celeste. O valor pode girar entre R$ 100,00 e 1000,00.

Dentro de campo, a partida, que terminou empatada em 1 a 1, marcou o fim do 100% de aproveitamento do Cruzeiro nesta edição da Série B. Resultado que, entretanto, não influenciou no desempenho celeste, que segue na liderança da competição, com 59 pontos ganhos.