Crise no euro dificulta aquisição de Léo Natel, do Corinthians, por time europeu

Léo Natel passou pela segunda vez pelo Apoel, do Chipre (Foto: Divulgação/Apoel)


O contrato de empréstimo do atacante Léo Natel com o Apoel, do Chipre, se encerará neste domingo (5), e o clube europeu não deve fazer investida para contar em definitivo com o atleta, que pertence ao Corinthians.

> GALERIA - Veja os garotos da base que tiveram chances com VP
> TABELA - Confira e simule os jogos do Campeonato Brasileiro

O jogador até agradou a equipe da cidade de Nicósia e existia o desejo interno de compra em definitivo mas o time vive momento de estruturação financeira por conta da desvalorização do euro, principalmente após o início da guerra entre Rússia e Ucrânia, no fim de fevereiro.

A moeda da União Europeia vive o seu menor patamar em frente ao dólar em quase dois anos, quando iniciou a pandemia do novo coronavírus. Inclusive, há indicativos de paridade de valores com o dinheiro americano.

Para contar com Natel após o empréstimo, o Apoel teria que desembolsar 2,5 milhões de euros (R$ 12,8 mi, na cotação), por 70% dos direitos do atleta, valor fixado pelo Timão ao firmar o contrato, em agosto do ano passado.

De acordo com informações obtidas pelo LANCE!, o Timão estaria disposto a negociar o atacante por até 1,5 milhão (R$ 7,7 mi, na cotação atual), mas, ainda assim, o valor é maior do que a equipe cipriota está disposta a pagar, principalmente após uma temporada de muito investimento e pouco retorno em campo.

Os Tytilos ficaram apenas na terceira colocação na liga nacional e caiu nas oitavas de final da copa na última temporada, fora que não disputou competições internacionais.

O planejamento da diretoria do Apoel para o próximo ano esportivo é montar um elenco competitivo sem muito investimento, incluindo diminuindo a folha salarial.

Com contrato com o Corinthians até dezembro de 2024, o jogador não faz parte dos planos do clube alvinegro, e, com isso, os representantes do atleta buscam uma alternativa de mercado para o atacante, de preferência fora do Brasil.

Na última temporada, pelo Apoel, Natel fez 29 jogos, todos como titular, e marcou seis gols.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos