Crias da base do Vasco têm ascensão meteórica e se tornam solução caseira na reta final de Série B


As crias da base do Vasco têm dado conta do recado na Série B do Campeonato Brasileiro. Isso mostrou que nos momentos de pressão, a solução pode estar em casa. Na vitória sobre o Guarani, Eguinaldo foi o principal destaque e marcou um gol.

Eguinaldo
Eguinaldo

Vasco é o terceiro colocado na Série B (Foto: Daniel Ramalho/CRVG)

Evidentemente é preciso cuidado no momento dos garotos serem lançados no futebol profissional. Sobretudo, porque é normal a oscilação em razão da baixa idade e, além disso, o principal objetivo do Cruz-Maltino na temporada tem um peso muito grande.

Porém, Andrey Santos, Marlon Gomes e Eguinaldo são jogadores fora da curva e provam que estão prontos para assumirem grandes responsabilidades e papéis de protagonistas. Cabe destacar que também é o caso de Figueiredo. Mas diante das últimas exibições, a tendência é que o trio permaneça no time titular.

Inclusive, as atuações fazem com que as crias de São Januário saiam ovacionadas pela torcida cruz-maltina. Para o camisa 21, esse é o sonho de toda criança.

- Toda criança sonha isso. Em ser jogador e ser ovacionado pela torcida. Graças a Deus saí ovacionado hoje, por uma torcida tão linda e incrível como a do Vasco, que está sempre nos apoiando - disse Egg.

+ Veja a classificação da Série B

Em termos numéricos, os dados do "Sofascore" ilustram a importância das crias da Colina. Andrey é o jogador sub-23 com mais desarmes entre os 446 que disputam as Séries A e B. Ao todo são cinco gols em 22 jogos. Além de 68 desarmes, 141 bolas recuperadas e 59% duelos ganhos.

Já Marlon Gomes, no triunfo sobre o Tombense marcou um gol, deu um passe decisivo, sofreu três faltas sofridas, acertou 80% dos dribles e ganhou 61% dos duelos por baixo. E Eguinaldo contra o Guarani balançou as redes uma vez, acertou o gol em um chute de quatro tentados, deu um passe decisivo, ganhou 61% dos duelos e acertou 75% dos dribles.

No próximo sábado, o Vasco viaja até Santa Catarina para encarar o Brusque. O Gigante da Colina vem de uma sequência de cinco derrotas consecutivas como visitante. Assim, precisa vencer se aproximar do principal objetivo na temporada: o acesso à elite do futebol brasileiro.