Corinthians termina mês de maio invicto e entra em junho sob desconfiança

Cássio foi um dos protagonistas do Timão em maio (Foto: Staff Images / CONMEBOL)


O Corinthians encerrou o mês de maio invicto e com um aproveitamento de 51,8%. Além disso, encaminhou sua classificação para as próximas fases na Libertadores e Copa do Brasil, e está no G4 do Brasileirão. Contudo, o futebol apresentado pelo Timão não foi convincente, e a torcida vaiou a equipe em algumas ocasiões.

> GALERIA - Veja os garotos da base que tiveram chances com VP

Ao todo, foram nove partidas, com três vitórias e seis empates. Nesse período, o clube alvinegro somou 10 gols marcados e seis sofridos, sendo Adson o artilheiro do mês, com dois gols.

A equipe de Vítor Pereira iniciou maio com um jogo na Neo Química Arena diante do Fortaleza, pelo Brasileirão. O Corinthians não teve boa performance coletiva, mas no segundo tempo, após escanteio cobrado por Maycon, Matheus Jussa (contra) fez o gol da vitória corintiana.

No dia 4 de maio, o Timão foi até a Colômbia, onde enfrentou o Deportivo Cali pela quarta rodada da fase de grupos da Libertadores. Cássio defende um pênalti de Téo Gutierrez, e Fábio Santos, também da marca da cal, perdeu uma penalidade, e a partida terminou sem gols.

No final de semana seguinte, também na base da superação, o clube alvinegro venceu o Red Bull Bragantino pelo placar mínimo no Campeonato Brasileiro, com gol de Renato Augusto.

> TABELA - Confira e simule os jogos do Campeonato Brasileiro

Com uma equipe completamente modificada, o Corinthians não teve dificuldades em derrotar a Portuguesa-RJ por 2 a 0, com gols de Giuliano e Júnior Moraes, e avançar às oitavas da Copa do Brasil.

No dia 17, a delegação corintiana iniciou uma sequência de dois jogos fora de casa. No primeiro, empate por 2 a 2 com o Internacional, e a partida ficou marcada pela acusação feita por Edenílson na qual Rafael Ramos supostamente teria chamado o atleta do Inter de “macaco”.

Três dias depois, o Corinthians foi até a Bombonera e ficou em igualdade com o Boca Juniors pela Libertadores, por 1 a 1. Vítor Pereira e Cantillo foram expulsos no duelo contra os argentinos.

Após o resultado que deixou a vaga no torneio continental encaminhada, o Timão começou uma sequência de três jogos em casa, onde o futebol apresentado sofreu uma queda. No Majestoso contra o São Paulo, pelo Brasileirão, empate por 1 a 1, com gol de Adson no segundo tempo.

Depois, diante dos reservas do Always Ready, a equipe de Vítor Pereira deixou a desejar em campo, apenas empatando por 1 a 1 e sendo vaiada e cobrada por parte da torcida após o apito final.

Para encerrar o mês de maio, novo empate por 1 a 1, contra o América-MG, e mais cobranças da torcida na Neo Química Arena. O resultado contra o Coelho fez o clube alvinegro perder a liderança no Brasileirão.

Em junho, com menos jogos na Copa do Brasil e Libertadores, o Corinthians poderá dar uma atenção maior à disputa do título brasileiro. Para isso, Vítor Pereira vai precisar extrair mais do seu elenco, que não vem apresentando um bom futebol.

Veja a sequência dos próximos jogos do Corinthians:

Atlético-GO x Corinthians - 04/6, às 20h30 – Brasileirão
Cuiabá x Corinthians - 07/6, às 21h30 – Brasileirão
Corinthians x Juventude - 11/6, às 16h30 – Brasileirão
Athletico-PR x Corinthians - 15/6, às 21h30 – Brasileirão
Corinthians x Goiás 19/6, às 16h – Brasileirão
Previsão dos jogos de ida das oitavas da Copa do Brasil - 22 e 23/6
Corinthians x Santos - 25/6, às 19h – Brasileirão
Corinthians x Boca Juniors - 29/6, às 21h30 – Oitavas de final da Libertadores, jogo de ida

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos