Corinthians quer manter dinastia no Brasileirão Feminino, mas tem o Palmeiras no caminho

Disputa de bola no jogo de ida da semifina, que teve vitória corintiana (Foto: Rodrigo Gazzanel/Ag.Corinthians)


É fato que o Corinthians é grande potência do futebol feminino nos últimos anos. Campeãs de tudo o que disputaram na última temporada, as Brabas, no entanto, encontraram uma pedra no sapato neste ano: as Palestrinas.

+ Tem novidades! Veja a convocação da Seleção Brasileira para os amistosos contra Gana e Tunísia

O time feminino do Palmeiras foi o primeiro colocado na primeira fase do Brasileirão da categoria, passou pelas quartas de final sem tomar conhecimento do Grêmio, vencendo por 7 a 1 no placar agregado, e agora as arquirrivais são as adversárias do Timão na semifinal.

E, ainda que as corintianas tivessem vencido a partida de ida, por 2 a 1, em casa, as palmeirenses têm a chance de reverter o resultado no Allianz Parque neste sábado (10), o que acabaria com uma dinastia alvinegra nas decisões do Campeonato Brasileiro Feminino.

+ Quem ficou mais perto ou mais longe da Copa após a lista de Tite

Atual bicampeãs, as Brabas chegaram nas últimas cinco finais E as meninas querem manter essa sequência e alcançar a sexta decisão consecutiva do Brasileirão.

Para isso, bastam elas pelo menos empatarem na casa alviverde nesta tarde. A bola rolará a partir das 14h.

RETROSPECTO NAS FINAIS DESDE 2017

2017 - Corinthians x Santos (Santos campeão)
2018 - Corinthians x Rio Preto (Corinthians campeão)
2019 - Corinthians x Ferroviária (Ferroviária campeã)
2020 - Corinthians x Avaí/Kindermann (Corinthians campeão)
2021 - Corinthians x Palmeiras (Corinthians campeão)

OUTRAS COMPETIÇÕES

O Corinthians já levantou uma taça no futebol feminino neste ano, a Supercopa do Brasil, em fevereiro. A competição foi disputada pela primeira vez na história na categoria e teve o Dérbi logo na primeira fase, com as corintianas levando a melhor por 3 a 0.

No Campeonato Paulista, que iniciou exatamente há um mês, tanto as Brabas quanto as Palestrinas vêm de tropeços.

Após ótimos resultados das duas primeiras rodadas, que teve até mesmo as duas equipes aplicando goleadas, ambas não venceram os seus dois últimos compromissos pela competição. O pior, tanto corintianas, quanto palmeirenses perderam por 3 a 0 na última rodada, para São Paulo e Red Bull Bragantino, respectivamente.

+ Confira a tabela do Brasileirão Feminino e simule a reta final da competição

E o resultado dos placares adversos nas partidas mais recentes é que Corinthians e Palmeiras estão fora da zona de classificação para a fase final, neste momento. Ainda assim, a expectativa é que os dois times terminem a parte de pontos corridos no G4. Faltam mais sete jogos para terminar a etapa.

Timão e Verdão disputaram entre os dias 13 e 28 de outubro a Copa Libertadores Feminina, que neste ano será sediada no Equador.

As Brabas participarão por serem as atuais campeãs, enquanto as Palestrinas jogarão na condição de atual vice-campeãs brasileiras - tendo perdido a final passada justamente para o Corinthians.